Quando chegou a Portugal, há 15 anos, Maxi não encontrava as empanadas com as quais se habituou a crescer. "Na altura só havia dois ou três restaurantes argentinos e as empanadas dos restaurantes, por serem feitas, muitas vezes, com sobras, nunca são as melhores", refere à MAGG.

Com zero experiência em cozinha, ainda que no seu país de origem já se dedicasse à restauração, mas neste caso em bares, decidiu investigar e testar. Testar muito até chegar à receita perfeita. "Telefonei à minha mãe, à minha avó, às minhas tias. juntei todas as dicas, comecei a fazer a massa e toda a gente adorou", refere.

Morada: Rua de O Século, 226, Lisboa
Horário: 11h-15h e 18h-21h. sábados e domingos 11h-13h.

Em 2011 começou a fazer empanadas para fora mas, tal como garante à MAGG, é o único argentino que conhece que decidiu não trabalhar logo com o consumidor final. Dedicou-se a vender as empanadas congeladas para cafés e restaurante, até que mais tarde passou também a marcar presença em mercados e teve até uma carrinha street food, aí já a vender empanadas frescas.

Rever menus, stocks e staff. Como é que os restaurantes se preparam para o confinamento?
Rever menus, stocks e staff. Como é que os restaurantes se preparam para o confinamento?
Ver artigo

Agora, e sem contar com um confinamento, acaba de abrir o seu primeiro espaço físico em Lisboa. As Empanadas do Maxi fica no Príncipe Real, mas não é um restaurante. "Não temos mesa sequer. A ideia é que as pessoas comprem e levem para comer em casa ou pelo caminho", explica. E é por isso que o confinamento não vai mudar o modelo de negócio de Maxi, que apenas teve que passar também a trabalhar com serviços de entrega ao domicílio, como é o caso da UberEats.

As empanadas do Maxi
Há empanadas para todos os gostos: carne, peixe e também vegetarianas.

Ainda assim, é a meio de uma entrega feita na sua carrinha que o apanhamos. Consegue já chegar a toda a cidade e também a Oeiras e Cascais, onde tem um ponto de venda, na padaria Pão na Hora.

Para entregas em casa, o menu pode ser consultado online. Mas na loja de Lisboa, há um sabor exclusivo, e Maxi garante ser o melhor sabor da Argentina. "Eu sou natural de S. Miguel de Tucumán, onde todos os anos se faz o concurso da melhor empanada", refere. E a mais típica é a vitela cortada à faca com cebolinho e ovo. "Uma delícia", garante.

Mas há mais, num total de dez sabores: queijo e cebola; vitela spicy; frango; atum; espinafres e mozarella; fiambre e três queijos, todas a 2,50€. Já as gourmet, podem ser de cogumelos e três queijos (2,75€), milho (2,50€), caprese (2,75€) e a de vitela tucumana (2,75€) sempre com a opção do típico molho chimichurri. Para sobremesas, um incontornável alfajor, o doce mais famosa da Argentina.

O espaço do Príncipe Real vai manter-se aberto. Além disso, as encomendas podem ser feitas através do número 937 716 025.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.