Em maio de 2021, o hotel Sofitel Lisbon Liberdade, na Avenida da Liberdade, em Lisboa, e o respetivo restaurante abriram completamente renovados. Os espaços têm mais luz, estão mais leves, e a carta do restaurante Matiz acompanha com a mesma identidade fresca. Faz tudo parte do hotel de cinco estrelas, com a diferença de que o Matiz tem uma porta independente para receber quem não está hospedado no hotel e é igualmente bem-vindo para provar os pratos de fine dining, com harmonização de vinhos escolhidos a dedo por Melissa Fischer, sommelier e F&B do Matiz.

Foi com Melissa que passámos os primeiros momentos em redor do bar deslumbrante, com um balcão oval cheio de dourados, de onde se avista um impressionante jardim vertical de plantas liofilizadas.

Sofitel Lisbon Liberdade
Bar Lounge créditos: divulgação

Foi aqui que começámos a saborear os novos conceitos que trouxeram a Avenida da Liberdade para dentro do hotel de cinco estrelas. E, já agora, não se deixe enganar pelas estrelas, porque os preços do bar e restaurante não são tão elevados quanto pensa só por se tratar de um hotel — apostamos que paga o mesmo por um cocktail num dos rooftops mais badalados de Lisboa.

Por aqui, Lisboa serve-se ao copo, mais precisamente numa Lady Liberdade (11€), um cocktail da autoria de Melissa, com rosé port, rosé sparkling wine e xarope de pétalas de rosa, que foi pousado numa base de azulejo português. É sem dúvida uma lady leve, com vida a borbulhar graças ao espumante Vértice e que acompanha bem (tal como a trovoada na Madeira, com rum e sumo de limão, por 10€) com uns snacks ligeiros.

Valverde Hotel. O oásis da Avenida tem piscina aquecida e as melhores panquecas de Lisboa
Valverde Hotel. O oásis da Avenida tem piscina aquecida e as melhores panquecas de Lisboa
Ver artigo

Como já deu para perceber, o novo conceito do Sofitel Lisbon Liberdade é inspirado em Portugal e a cozinha do Matiz não foge à regra. Os novos pratos foram idealizados pelo chef alemão Daniel Schlaipfer, há 20 anos em Portugal e há 10 a cargo da gastronomia do restaurante do hotel, que deixou para trás a cozinha francesa do anterior conceito e inspirou-se na gastronomia portuguesa para a renovação, explicou à MAGG. Daniel Schlaipfer partiu à descoberta dos melhores produtores portugueses para obter ingredientes frescos e de origem local de modo a apresentar no prato composições de qualidade.

O resultado foi-nos apresentado nuns petiscos bem portugueses, com um twist moderno. Depois dos croquetes de bacalhau (6€), provámos os de queijo vegan (6€) que, se não nos dissessem, íamos achar que eram feitos de queijo normal. Numa só dentada, ainda comemos ventresca de atum colocada sobre uma pequena tosta com pimentos (5€), e seguimos para o restaurante.

Matiz significa múltiplas cores, mas o que sentimos foi uma explosão de sabores

Ao caminhar do bar para o restaurante com vista para a Avenida da Liberdade, parámos na entrada do Matiz para admirar por breves instantes a calçada portuguesa. Foi trazida para dentro do restaurante e colocada pedra a pedra. A mesma dedicação estendeu-se a toda a refeição, iniciada pelo couvert (3€), composto por um azeite especial — o azeite Angélica que resulta de uma pequena produção no Monte de Manantiz de Baixo, no Alentejo, em Moura, raramente encontrada —, sal de salinas portuguesas, com limão e com ervas aromáticas da horta urbana do hotel, e pão da Gleba (arregalámos os olhos quando soubemos de onde vinha).

No meio da agitação entre comer o pão da Gleba sem ser num brunch com tostas de abacate e ver o copo encher-se com Casa Ermelinda Freitas Sauvignon Blanc Branco 2019, esquecemo-nos de um pormenor: perguntar como se come o sal num couvert de pão e azeite. Melissa explicou-nos que a ideia é molhar o pão no azeite e depois no sal para obter uma combinação de sabores que fazem saltar as papilas gustativas.

Acabadinha de sair do forno: há uma nova padaria Gleba em Campo de Ourique
Acabadinha de sair do forno: há uma nova padaria Gleba em Campo de Ourique
Ver artigo

Seguiu-se um rodízio de entradas, primeiro um tártaro de atum (16€), com chalotas, piri-piri da horta, abacate e mais azeite, desta vez num formato diferente. Já estamos mais do que familiarizados com cebola e alho em pó (melhores invenções de sempre, principalmente para quem, como nós, não gosta de cortar estes dois ingredientes), mas na visita ao Matiz descobrimos que também existe azeite em pó. Só por istojá valeu a pena a experiência, o que não sabíamos é que noutro prato íamos poder repetir a sensação de ter azeite a desfazer-se na boca.

Para esse momento ousado, um vinho com o mesmo nome, o Momento Ousado Alvarinho Vinho Verde Branco 2018. Acompanhou o polvo suculento, com batata doce, azeite em pó e um crocante de tinta de choco (10€). O peixe domina as entradas, seguindo-se um ravioli de lagosta mergulhado num bisque de frutos do mar (12€) — outro momento alto.

Nos principais, ainda provámos um bacalhau confitado, com broa, azeite de manjericão, batata e espargos (24€) e um robalo de Peniche, com creme de cherovia e ameijoa à Bulhão Pato (28€), que foi num instante, mas ainda mais depressa rapámos a espuma saborosa que andava pelo prato. Mais dois vinhos harmonizaram estes pratos, o inigualável Dona Berta Reserva Rabigato 2018 e o Terras do Grifo Douro 2018. Para encerrar, as texturas de São Tomé, feitas com chocolate 100% cacau, acompanhadas de sorbet de framboesa feito pelo próprio chef (12€), como tudo o resto, aliás.

Friday night is date night

Traduzimos: sexta-feira à noite é noite de date (encontro romântico) e se o marcar no Matiz vai ter direito a copo de espumante. Pode prolongar a noite e dormir no hotel de cinco estrelas, cujo valor é a partir 180€ por noite para duas pessoas.

Há outras formas (e mais acessíveis) para conhecer o novo menu do restaurante do Sofitel Lisbon Liberdade, como através do menu executivo ao almoço, de dois (21€) ou três pratos (25€), entre os quais está o bacalhau confitado que não podia fazer maior jus à gastronomia portuguesa. O menu é servido das 12h30 às 15h e pode desfrutar do mesmo na esplanada onde a luz do dia permite ver ao detalhe a agitada Avenida da Liberdade.

MATIZ do Sofitel Lisbon Liberdade

Localização: Avenida da Liberdade Nº127, 1269-038, Lisboa
Reservas: matiz.lisboa@sofitel.com/ (+351) 213 228 350
Horário: todos os dias das 7h às 22h30

Mais cedo ainda, pode começar por tomar o pequeno-almoço, também disponível para visitantes. O novo restaurante não se deixa dormir, mantendo o conceito logo de manhã com os ovos à portuguesa, estrelados com presunto (8,50€). Para algo mais composto, tem menus desde 25€.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.