É capaz de já ter ouvido que os meses de janeiro e fevereiro são péssimos para a restauração. Ainda estamos a recuperar dos excessos de final de ano — seja no corpo ou na carteira — , e o mood está mais virado para as inscrições nos ginásios e menos para a abertura de restaurantes. Mas estes sete espaços quiseram contrariar a tendência e escolheram o início de 2023 como rampa de lançamento.

Queremos comer as panquecas e a french toast deste novo brunch de manhã à noite — e é possível
Queremos comer as panquecas e a french toast deste novo brunch de manhã à noite — e é possível
Ver artigo

Da nova abertura do chef Vasco Coelho dos Santos, que fechou 2022 em beleza com a conquista da primeira estrela Michelin para o Euskalduna Stúdio, a um bar de cervejas e petiscos com 50 torneiras à pressão, há muito para escolher nesta lista, que não deixa de lado os vegetarianos que babam por uma boa pizza ou os amantes das clássicas cervejarias — e de batatas fritas.

Espreite sete restaurantes acabadinhos de abrir em Lisboa e no Porto.

Lisboa

Gulden Draak — Casa da Cerveja

Gulden Draak — Casa da Cerveja

A tinta ainda está a cheirar a novo na Gulden Draak, o spot que tem mesmo de conhecer na capital se for maluco por cerveja. Com portas abertas desde 2 de março, este é muito mais que um simples bar dedicado a esta clássica bebida. É verdade que há 50 torneiras de cervejas à pressão para todos os gostos e mais alguns, mas não faltam outras bebidas como vinhos, cocktails e, claro está, boa comida.

Da carta construída pelos chefs António Alexandre e Bruno Miguel Duarte da Costa, há nachos (7€), batatas bravas (5€), bolinhas de carne de picanha com molho tártaro (4,50€), ovos rotos (7,50€), prego de novilho (10€), sandes de pernil BBQ (10€) e ainda opções mais consistentes como polvo assado (17€) ou barriga de porco a baixa temperatura (14€), entre muitas outras opções.

É verdade que este é um espaço onda não falta a happy hour, mas também há espaço para o almoço executivo, com propostas como legumes à Brás, caçarola de porco e risoto de bacalhau (entre 9,50€ e 12,50€).

As cervejas à pressão começam nos 4,50€ para copos de 25cl.

O Gulden Draak — Casa da Cerveja fica na Rua Andrade Corvo 29A, e está aberto todos os dias, das 12 horas às 1 hora (fecha às 2 horas às sextas-feiras e sábados). Telefone: 968 238 415

Teimar

Teimar

E se juntássemos os pratos clássicos das cervejarias a um espaço moderno e tão perfeito que não resistimos a uma foto para alimentar as redes sociais? O resultado está no Teimar, o novo restaurante do mesmo grupo que detém o Cortesia, em Campo de Ourique.

Depois de meio ano a visitar as principais cervejarias do País para inspiração, os sócios do Teimar colocaram todos os sabores nesta deliciosa carta onde não faltam croquetes de camarão (3,90€), gambinhas ao alho (12€), amêijoas à Bulhão Pato (19,50€), corvina no josper (16€), bitoque de atum rabilho (18€), arroz meloso de carabineiro (45€ para duas pessoas) e prego do lombo no pão (12€), entre muitas outras sugestões.

O restaurante ainda se encontra em soft opening, mas nada tema: o horário vai ser alargado (todos os dias das 12 horas às 23h30, encerrando entre as 16 e as 19 horas) já no próximo dia 15 de março.

O Teimar fica na Rua da Infantaria 16 63A, em Lisboa. Atualmente, está em regime de soft opening e funciona das 12h30 às 16 horas, de terça-feira a sábado, sendo que também abre das 19 horas às 23h30 às sextas-feiras e sábados. Telefone: 213 860 032

Potato Project

O novo spot de batatas fritas, Potato Project

Vá, assumimos que é mais um espaço de snacks do que propriamente um restaurante, sendo que nada o impede de almoçar ou jantar estas batatas fritas gulosas, onde os toppings e os molhos fazem deste acompanhamento um autêntico deleite. No novo Potato Project, as batatas fritas têm todo o protagonismo, e depois de cortadas e fritas no momento (não há cá congeladas para ninguém), o céu é o limite naquilo que lhes vai colocar em cima.

Há três tamanhos de cone disponíveis: o pequeno (por 3€), o médio (por 4€) e o grande (por 5€). Cada um inclui um molho à escolha, como mostarda, maionese trufada, maionese picante, caril, ketchup, molho cocktail e maionese de alho. Tem de pagar 0,70€ por cada molho extra ou por toppings como queijo cheddar ou parmesão. Por mais 0,30€, pode escolher três coberturas como amendoins, cebola crocante, bacon ou jalapenho.

Se quiser, é só chegar, escolher, pagar e ir embora com as suas batatas na mão. Mas também pode preferir sentar-se durante algum tempo, ja que o espaço dispõe de mesas e cadeiras.

O Potato Project fica na Rua da Conceição 8, Lisboa, e está aberto diariamente entre as 11h30 e as 20h30. Telefone: 912 976 569

Maria Escandalosa

Maria Escandalosa
créditos: Maria Mattos

A inauguração oficial pode acontecer apenas esta quarta-feira, 8 de março, mas já pode visitar a alma e sabores boémios do Maria Escandalosa. Este novo restaurante da Rua da Misericórdia, na zona do Bairro Alto, em Lisboa, vem "sacudir com o tradicional", alerta o espaço em comunicado, e conta com a ajuda de cocktails arrojados e comida deliciosa.

A chef e proprietária Carolina Antony — natural do Brasil e que se estabeleceu em Portugal quando o marido, o ator Marcello Antony, foi convidado para integrar o elenco de uma novela da TVI — compôs uma carta de luxo, onde não faltam opções como camarões Leloir (17€), o que é que a baiana tem (22€), uma versão diferente da tradicional moqueca, e risoto da Carola (18€), com lascas de bacalhau, entre muitas outras propostas. Para acompanhar? Peça um pornstar martini, para combinar na perfeição com o ambiente do espaço.

O Maria Escandalosa fica na Rua da Misericórdia 118, em Lisboa, e está aberto das 18 horas à meia noite (domingo a quarta-feira), e até às 2 horas da manhã (quinta-feira a sábado). Telefone: 213 461 190

Giulietta

As opções 100% do novo restaurante italiano Giulietta

O novo restaurante italiano do grupo do The Green Affair serve os clássicos da gastronomia de Itália só com ingredientes vegetais. Na Avenida de Roma, pode provar opções como bruschetta al pomodoro, com pão torrado, tomate cherry, pesto e "parmesão" vegetal (5,50€), salada caprese com mozzarella vegan fresca, rúcula, pesto e manjericão (9,50€), risotto com cogumelo (12,50€),  pizza green affair, com massa de couve-flor, molho pesto caseiro, rúcula, tomate seco e azeitonas (13,50€) e ainda lasanha à bolonhesa, com folhas de lasanha, bolonhesa de cogumelos e tofu bio, molho béchamel e mozzarella vegetal (12€), entre muitas outras opções.

O projeto, que segue o mote "La vita à bella. Il futuro é vegetale" (A vida é bela e o futuro é vegetal) inspira-se nas atrizes do cinema clássico italiano, "porque também elas foram criativas e vanguardistas, experimentaram e trouxeram modernidade ao cinema italiano na sua época, à semelhança do que procuramos fazer no Giulietta", esclarece o diretor de ambas as marcas, Henrique Costa Pereira, em comunicado.

O Giulietta fica na Avenida de Roma 46B, e está aberto todos os dias, entre as 12 horas e as 23 horas. Telefone: 927 397 191

Porto

Wilson Café

Wilson Café Matosinhos
créditos: divulgação

Depois da baixa do Porto, o Wilson Café chega agora a Matosinhos, com clássicos de pequeno-almoço e refeições mais completas para almoçar ou jantar. Não faltam gulodices como panquecas de doce de leite, gelado e bolacha (7€) ou panquecas forever young (8€), com Kit-Kat, marshmallow, gelado de nata e chantilly, bem como o bday milkshake (8€) com gelado de nata, leite, Nutella, fatia de bolo e chantilly; o cookie shake (6,50€), com gelado de nata, leite, topping de chocolate, bolacha, donut e chantilly e ainda o sweet & salty shake com gelado de nata, leite, Nutella, topping de morango, marshmallow e chantily.

No departamento dos salgados, há mac & cheese & bacon (9€), pasta pesto e tomate com amendoim torrado (9€), o the big burger (13€) sem pão, com uma torre de três hambúrgueres de 100g cada no prato, cheddar, ovo estrelado, molho barbecue e batata frita e ainda o o parece uma francesinha (14€), com bife da vazia, bacon, queijo, fiambre, pão, olho e batata, entre outras sugestões.

O melhor? Pode pedir qualquer prato da ementa até às 19 horas, sendo que as opções de jantar param de ser servidas às 23 horas.

O novo espaço do Wilson Café fica em Matosinhos, na Praceta Manuel Carlos Seabra Monteiro 41. Está aberto desde as 10 horas até à 1 hora da manhã, e fecha à segunda-feira. Telefone: 229 381 832

Kaigi

Kaigi

O novo restaurante do chef Vasco Coelho dos Santos, responsável pelo Euskalduna, abriu portas a 15 de fevereiro e une a cozinha portuguesa à asiática. O espaço, que também conta com a mestria do chef Nuno Brás, apresenta-se com o espírito de uma izakaya (taberna japonesa), não deixando de lado o conceito nikkei e ainda conta com um nigiri bar.

Da carta, chamam a atenção propostas como tártaro de salmão, mostarda e ovo (18€), tamago de gamba (10€), uma omolete japonesa com gamba rosa e nori, pica pau de atum (16€) e vitela estufada com miso e cebolete (13€), entre outras opções. No que diz respeito ao sushi, há peças como nigiri de toro e espuma de soja (12€) e temaki de ouriço com raspa de citrinos (15€).

Pode terminar com sobremesa, mas tem apenas uma opção: o mochi (7€). "Desconstruimos o mochi numa interpretação braseada, onde juntamos o travo doce da pera com o toque apimentado do queijo de São Jorge. É a única sobremesa da nossa carta por uma razão: beira a perfeição", pode ler-se nas redes sociais do novo Kaigi.

O Kaigi fica na Rua de Eugénio de Castro 226, Porto, e está aberto das 19 horas à meia-noite. Fecha ao domingo e à segunda-feira. Telefone: 938 410 124

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.