Sarah Jessica Parker, 57 anos, interpretou Carrie Bradshaw, uma jornalista nova-iorquina que escrevia sobre a vida amorosa de todos aqueles que se atravessassem no seu caminho, incluindo a sua. A maior parte do conteúdo incidia sobre os homens que passavam pela sua vida – e houve muitos, de facto. Mas há um que se destaca pela forma como tratou Carrie durante o tempo em que estiveram juntos: o fabricante de móveis Aidan Shaw, interpretado por John Corbett, atualmente com 61 anos.

Infelizmente, Aidan e Carrie nunca conseguiram manter o relacionamento, porque a vida (ou, neste caso, Mr. Big) trocava sempre as voltas à jornalista – e como ela acabou por casar com esse seu primeiro e grande amor, John Corbett não chegou a entrar na sequência de episódios de "And Just Like That...", o spin off de "O Sexo e a Cidade", da HBO.  No entanto, isso pode estar prestes a mudar.

Ainda que a nova temporada não tenha data de estreia marcada, as protagonistas continuam a ser as mesmas – Carrie Bradshaw (Sarah Jessica Parker), Miranda Hobbes (Cynthia Nixon) e Charlotte York (Kristin Davis), que se mantêm fiéis a dar vida ao (agora) trio de amigas, sendo que Kim Catrall, que interpretava Samantha Jones, não planeia voltar. No entanto, quem está de regresso é o ator John Corbett, que deve voltar a fazer parte do elenco, de acordo com o "Deadline".

Sarah Jessica Parker está a arrendar a casa de férias nos Hamptons – e nem vai acreditar no preço
Sarah Jessica Parker está a arrendar a casa de férias nos Hamptons – e nem vai acreditar no preço
Ver artigo

O suposto retorno de Aidan não é completamente inesperado. Quando "And Just Like That..." ainda estava em fase de pré-produção e apenas se sabia que iria regressar aos ecrãs, o ator revelou à "Page Six" que iria fazer parte do spin-off, o que acabou por não acontecer. Para todos os efeitos, parece que Aidan pode finalmente regressar a Manhattan, e à vida de Carrie.

Pode ser que a jornalista volte a encontrar o amor, uma vez que ficou viúva. Mr. Big (interpretado por Chris Noth) morreu de ataque cardíaco enquanto fazia exercício físico – o que não é de estranhar, sendo que a personagem já tinha tido outras complicações cardíacas previamente.

Na vida real, Chris Noth esteve envolvido numa polémica no final de 2021, pouco tempo depois da série estrear.Isto porque Zoe, de 40 anos, e Lily, de 31, alegaram ter sido agredidas sexualmente pelo ator. Os relatos, na altura, foram avançados pelo "The Hollywood Reporter", que adiantou ter sido contactado pelas duas mulheres em ocasiões separadas e com meses de diferença.

As mulheres disseram que o regresso do ator à sequela de "O Sexo e a Cidade" lhes despertou "memórias dolorosas" do que se passou em 2004 e 2015, respetivamente. Ainda que tivesse negado as acusações quando surgiram, Chris Noth acabou por ser despedido da agência que o representava – e, depois disso, vieram a público novas histórias do passado do ator. Entre elas estava um terceiro abuso sexual, do qual a atriz Zoe Lister-Zones foi vítima quando tinha 20 anos, e alegações de que Chris Noth havia espancado e ameaçado matar uma ex-namorada.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.