Os fenómenos são difíceis de explicar e a verdade é que, sem se perceber muito bem como, "Emily in Paris" tornou-se numa das séries mais populares do catálogo da Netflix em Portugal. A história foca-se na figura de Emily, uma jovem americana e irreverente que, entusiasmada com uma oportunidade de trabalho, acaba por se mudar para Paris. É aí que se vê a braços não só com uma adaptação difícil à cultura europeia, mas também ao facto de, quase ironicamente, ficar sem namorado naquela que é considerada uma das cidades mais românticas do mundo.

Depois de os dez episódios da primeira temporada terem sido disponibilizados de uma vez a 2 de outubro, provavelmente já se estará a perguntar quando haverá uma nova temporada da série.

Séries e filmes. 14 novidades que chegaram à Netflix e HBO nas últimas semanas
Séries e filmes. 14 novidades que chegaram à Netflix e HBO nas últimas semanas
Ver artigo

Temos boas e más notícias. Vamos explicar: um bocadinho à semelhança do que aconteceu com séries anteriores muito populares, é quase certo que, devido à adesão do público, a Netflix decida encomendar pelo menos mais uma temporada de "Emily in Paris". Mas ainda não há anuncio oficial.

Por isso, e assumindo que já despachou a primeira temporada, vasculhamos o catálogo das várias plataformas de streaming em Portugal para encontrar algumas séries que, de alguma forma, se possam assemelhar à história da mais recente série-sensação da Netflix. E a primeira sugestão é óbvia, é verdade, mas impossível de não ser feita — uma vez que é da mente de, X, o mesmo criador de "Emily in Paris".

Falamos, claro, de "O Sexo e a Cidade" cuja história acompanha Carrie, Charlotte, Miranda e Samantha, o quarteto que não se esquece, tanto que não é raro para os fãs verem e reverem todas as temporadas agora inteiramente disponíveis de forma imediata, e legal, na HBO.

Foi e ainda é um fenómeno: há os cosmopolitans e os eventos-sempre-super-in, os looks incríveis, dilemas transversais a homens e mulheres, sem esquecer as questões relacionadas com o sexo feminino que persistem até hoje, ainda que a série remonte aos já mais distantes anos 90. A sério: se não vê a série há muito tempo, reveja o primeiro episódio. Vai ver que é do mais atual que há.

Netflix divulga as 10 séries mais vistas em 2020. Uma delas estreou em 2003
Netflix divulga as 10 séries mais vistas em 2020. Uma delas estreou em 2003
Ver artigo

Mas para compensar a sugestão mais do que fácil, temos outra sobre uma série que passou despercebida em Portugal. Chama-se "Sally4Ever" e é sobre Sally, que vive numa relação monótona com David há dez anos. Quando, finalmente, considera deixá-lo, ele pede-a em casamento. Incapaz de lhe partir o coração, aceita, mas um encontro no metro com uma atriz talentosa e carismática promete mudar a sua vida até então aborrecida.

É que Emma, a atriz, desperta sensações que Sally há muito não sentia e as duas assumem um caso louco repleto de excessos e de sexo. Mas Emma revela-se uma pessoa instável e sem filtros, o suficiente para que Sally se veja a reconsiderar as escolhas que tomou. Tal como Emily, Sally é uma mulher dividida entre as aparências e o que verdadeiramente sente e, só por isso, vale a pena espreitar. Está na HBO, mas há mais.

Mostramos-lhe as 7 melhores séries para quem já viu a primeira temporada de "Emily in Paris" e quer matar saudades da série sensação da Netflix.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.