Ergam as varinhas, fãs de “Harry Potter”. Parece haver a possibilidade de voltarem a entrar numa nova aventura do mundo dos feiticeiros. David Zaslav, CEO da Warner Bros. Discovery, ambiciona a realização de mais filmes da saga, se JK Rowling concordar.

Segundo o The Hollywood Reporter, David Zaslav afirmou numa reunião com investidores o desejo de querer dar continuação aos filmes: “Vamos focar-nos nos franchises. Não tivemos um filme do 'Super-Homem' nos últimos 13 anos. Não fizemos um Harry Potter nos últimos 15 anos. Os filmes da DC e do Harry Potter deram muito do lucro da Warner Bros… ao longo dos últimos 25 anos”.

Ator de “Harry Potter” revela vício do álcool. Foi internado três vezes  — e fugiu em menos de 24 horas
Ator de “Harry Potter” revela vício do álcool. Foi internado três vezes — e fugiu em menos de 24 horas
Ver artigo

Durante a década de 2001 e 2011, a Warner Bros. lançou oito filmes da saga “Harry Potter” arrecadando o valor global de 7,7 mil milhões de dólares [7,86 mil milhões de euros]. O estúdio não produz nenhum filme da saga há mais de 10 anos, depois do lançamento do último filme, “Harry Potter e os Talismãs da Morte parte 2”, em 2011.

Do mesmo universo de “Harry Potter”, foram lançados três filmes da saga “Monstros Fantásticos”. O último, “Monstros Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore”, chegou aos cinemas em 2022. 

Só sai deste escape room quem for um verdadeiro Harry Potter. Já tem a varinha a postos?
Só sai deste escape room quem for um verdadeiro Harry Potter. Já tem a varinha a postos?
Ver artigo

Depois da especulação dos fãs sobre o afastamento da Warner Bros de JK Rowling, pelas declarações polémicas e transfóbicas da autora, a empresa veio reafirmar que todos mantêm uma boa relação. “Ao longo de 20 anos, a Warner Bros., JK Rowling e a sua equipa trabalharam juntos para encantar os fãs à volta do mundo com uma narrativa espetacular e com a magia do mundo dos feiticeiros”, afirmou em comunicado. 

Sobre os comentários transfóbicos da autora, em 2020, vários atores da saga “Harry Potter”, como Daniel Radcliffe, Rupert Grint, Emma Watson, e Eddie Redmayne, posicionaram-se a favor da comunidade transgénero, demonstrando apoio para com a mesma. 

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.