Muitos de nós vivemos com aquela saudade dos doces da mãe e da avó que costumavam ocupar quase toda a mesa de jantar nas reuniões familiares, fossem natais ou aniversários. É a pensar nesses momentos, e sobretudo nesses sabores, que chega agora ao mercado um doce de amêndoa servido em copos individuais, que vai buscar a receita tradicional desta sobremesa tipicamente portuguesa, à venda em exclusivo nos supermercados Mercadona. Mas que doce é este? Nós explicamos.

O Doce de Amêndoa em copo da Hacendado, marca própria da Mercadona, vai buscar os ingredientes mais portugueses  da doçaria nacional: gema de ovo, amêndoa, açúcar, canela e bolacha Maria. Pergunta: como é que, misturando isto tudo, algo pode correr mal? É isso, não pode. E é esta a base deste novo Doce de Amêndoa da Mercadona. 

A receita é simples, mas nem sempre temos os ingredientes (e sobretudo a paciência) para o preparar, de raiz, em casa. Ao contrário da ideia que temos das gerações das nossas mães e avós, hoje levamos a vida a correr contra o tempo e quando conseguimos, finalmente, parar, muitas vezes a última coisa que nos apetece é enfiar-nos na cozinha a fazer o jantar ou a preparar sobremesas. 

Doce de amêndoa

E é também a pensar nisto que a Mercadona criou o conceito da sobremesa em copo, já pronta a comer, para que as possa comprar e consumir até como sobremesa depois de um almoço no escritório (mesmo que seja em frente ao computador).

Já agora, se preferir, pode levar também da Mercadona o resto do o almoço, já que existem diversas refeições pré-feitas, frescas, com bons valores nutricionais,  que podem ser compradas quentes ou frias, e que tanto pode comer nas próprias lojas ou levar para casa (ou para o trabalho).

Este Doce de Amêndoa é ótimo para todos aqueles que tiram prazer de uma sobremesa reconfortante e que gostam de recordar o melhor da tradição dos doces portugueses. 

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.