A Apple irá abandonar os carregadores com uma entrada Lightning nos iPhones e adotar a entrada USB-C, igual à que quase todos os seus concorrentes já utilizam atualmente. A confirmação foi dada pelo vice-presidente mundial de marketing da empresa, Greg Joswiak, em entrevista concedida esta quarta-feira, 26 de outubro, ao "The Wall Street Journal".

"Obviamente que teremos de cumprir, não temos escolha". Foram estas as palavras de Joswiak quando questionado pelo jornal sobre a eventual alteração, uma decisão que visa cumprir a deliberação da União Europeia que obrigou a que todos os fabricantes de telemóveis passassem a adotar o mesmo tipo de carregador e porta de entrada como forma de minimizar o impacto ambiental. Esta mesma decisão foi tomada também pelas autoridades brasileiras. Ou seja, com o mercado da América do Sul e da Europa a obrigar a esta mudança, a Apple não tinha como ter duas entradas diferentes nos iPhone, para diferentes mercados.

Vale mesmo a pena trocar o seu telefone pelo novo iPhone 14?
Vale mesmo a pena trocar o seu telefone pelo novo iPhone 14?
Ver artigo

Esta medida, tomada contra a vontade da Apple, entrará em vigor em 2024, pelo que o iPhone 14, agora lançado, deverá ser o último a ter a entrada Lightning.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.