Na emissão de "Hell's Kitchen" deste domingo, 28 de março, os concorrentes foram apanhados de surpresa pelo chef Ljubomir Stanisic, que lhes atribuiu uma tarefa individual ao mesmo que preparavam o restante serviço: estrelar um ovo. Referimos precisamente uma "tarefa" porque não é tão simples quanto se pensa. Ao contrário do primeiro programa, em que a tensão na cozinha aumentou quando os concorrentes tiveram de preparar pratos elaborados, nesta segunda semana foi a técnica de um só ovo que complicou o desafio.

"Hell's Kitchen". Concorrentes para a segunda temporada já começaram a ser escolhidos
"Hell's Kitchen". Concorrentes para a segunda temporada já começaram a ser escolhidos
Ver artigo

O primeiro a dar a provar o seu ovo estrelado foi António Pedro, cujo prato, segundo o chef, levou "muita gordura". Seguiu-se Ana Cristina, mas o verdadeiro momento de tensão aconteceu com Hélder. Com medo de não ter tempo para preparar o ovo, avançou sem ser ainda a sua vez. "Hélder, estás a fazer o ovo porquê?", perguntou o chef quando se apercebeu da situação. "Eu chamei alguém para fazer o ovo?", perguntou, dirigindo-se à equipa azul, a quem ainda não tinha sido pedido o ovo.

"Eu não te mandei fazer ovo, pois não?", insistiu Ljubomir Stanisic, desta vez dirigindo-se a Hélder. "Queres ocupar o meu lugar aqui? Três minutos não te chegava?", questiona. 

Hélder reconheceu o erro, mas o momento de apurar o verdadeiro objetivo da prova — saber se ovo estaria na perfeição — seguiu-se quando levou o ovo à mesa do chef. "O ovo cozeu ao meio", disse o chef, que repreendeu o concorrente. "Ser esperto é ajudar uma equipa", remata. Já o melhor ovo foi o de Lucas. "Cozinha, o primeiro ovo que comi todo", disse a ambas as equipas.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.