Ainda como concorrente do "Big Brother", e numa das ameaças em que dizia querer sair da casa, Pedro Soá avisou: “Eu não vou à televisão. Nem que vá preso”. O que parecia ser apenas mais uma frase motivada pela raiva e pelo impulso, aconteceu mesmo. Esta quarta-feira de manhã, 27 de maio, o ex-participante do reality show recusou-se a estar presente no “Você na TV”, quebrando a tradição que é já conhecida: de cada vez que sai alguém da casa mais vigiada do país, no dia seguinte está à conversa com Manuel Luís Goucha no programa das manhãs.

Desta vez, não aconteceu. O apresentador viu-se obrigado a dar uma justificação a quem assistia ao programa, uma vez que no dia anterior tinha partilhado com os fãs que o concorrente ia estar à conversa consigo.

"Big Brother 2020". O discurso emocionado de Pedro Soá na despedida e o abraço a Diogo
"Big Brother 2020". O discurso emocionado de Pedro Soá na despedida e o abraço a Diogo
Ver artigo

“Ontem ao final da tarde tive a informação que Pedro Soá viria ao programa de hoje, por isso publiquei no Facebook a notícia”, esclareceu o apresentador, depois de serem exibidas as imagens do comportamento agressivo do ex-concorrente. Goucha acrescentou que depois de ter saído da casa, Pedro Soá terá estado numa festa com os amigos e que naquele momento estaria “ferrado a dormir”.

“Pedro Soá pode vir ao programa hoje”, referiu. “Se por ventura não vier, estamos a contar com a vinda dele e da namorada e terei todo o gosto em recebê-los amanhã”, continuou. Goucha acrescentou também que tem a informação de que o concorrente não irá estar em mais nenhum programa a não ser no “Você na TV”.

Esta foi a justificação oficial. No entanto, esta poderá não ser a realidade dos acontecimentos. À MAGG, fontes próximas da TVI asseguram que Pedro Soá se recusa a ir ao programa, sendo que existem membros da produção a tentar convencer o ex-concorrente a ir ao “Você na TV”.

Até ao momento, não há nenhuma indicação de quando é que Pedro Soá vá estar presente no programa. O concorrente foi expulso depois de ter tido um comportamento agressivo com o grupo, em especial, com Teresa. O empresário chamou idiotas aos concorrentes, tendo tido depois um comportamento abusivo com a mulher: “Eu mando aqui! Sou eu que mando aqui”. O tom da discussão começou a subir e terá mesmo sido Pedro Alves a agarrar no braço de Soá para evitar que o concorrente batesse em Teresa. Tudo isto por causa de um iogurte fora do sítio, o que levou a uma conversa sobre a organização da cozinha. O comportamento foi apelidado de “inaceitável” e levou à expulsão direta do concorrente do Montijo.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.