Vânia Sá participou na quinta edição da "Casa dos Segredos". Sete anos depois, é a vez da mãe, Felicidade Sá, ser concorrente do "Big Brother", que tem como principal objetivo usar a sua exposição mediática no programa para promover a Hegipaços, o principal negócio da família, focado em produtos de higiene e limpeza. Com quase 29 mil seguidores no Instagram, a loja física é em Figueiró, Paços de Ferreira, espaço que dividem com a loja de roupa da filha, a Vânia Sá Clothing Store.

Flávio Furtado desvaloriza beijo entre Ricardo e Joana: "Foi o cumprir de uma promessa"
Flávio Furtado desvaloriza beijo entre Ricardo e Joana: "Foi o cumprir de uma promessa"
Ver artigo

Na loja, Felicidade trata os clientes por "abelhinhas", no "Big Brother", quer ser a abelha rainha. Diz ter bom feitio quando as coisas são feitas à sua maneira, mas, em declarações à MAGG, a filha brinca: "Se a cama for feita ao contrário do que ela quer, Deus me livre".

Vânia sublinha que, em casa, mesmo não tendo razão, a mãe insiste até ganhar. "Tem que ter sempre a última palavra. Se eu continuar a falar, ela continua a falar. Só quando alguém desiste é que ela se cala. Mas claro, ela está num ambiente [reality show] que não é o dela. Agora vamos ver."

No vídeo de apresentação do programa, Felicidade partilhou o desejo de alcançar os 200 mil seguidores e tornar-se influenciadora digital. A filha confirma que a entrada no "Big Brother" foi, precisamente, para ganhar seguidores, já que, segundo explica, o sucesso das empresas da família se deve, consideravelmente, ao seu crescimento nas redes sociais após o reality show. "Neste momento, eles [os pais de Vânia] estão muito bem colocados no mercado. Sabem que a internet move o mundo e se estiverem num sítio com exposição para crescer, ótimo."

"Na minha altura, tinha que apagar as redes sociais para entrar. Era completamente diferente. O Instagram tinha acabado de acontecer, não havia redes sociais ativas. Quando saí, criei do zero. Agora parece que é quase uma imposição já ter seguidores para entrar", recorda a filha da nova concorrente do formato.

Apesar de ter noção que a mãe é um voto fácil por ter entrado um mês depois da estreia, Vânia acredita que não será nomeada no próximo domingo, 17 de outubro. "Vai dar alegria à casa, vai-se dar bem com toda a gente. Quando chegar a domingo, a opinião dos outros concorrentes vai ser totalmente diferente, porque ela vai conquistá-los lá dentro". Com fé que convença, também, os portugueses, receia que, quando a mãe estiver nomeada, a entrada tardia possa pesar para o público, "como quem diz que não merece estar ali".

Enquanto Felicidade participa no programa, a filha considera-se uma "jogadora de bancada". Apesar de ler todos os comentários nas redes sociais, garante que não dá importância aos negativos e só a opinião da família — Vânia, o pai e o irmão —  é que conta. “O meu pai está super entusiasmado. Estava super nervoso, mas compreende perfeitamente a importância disto para nós, para crescermos, para desenvolvermos o negócio. Estamos todos super contentes."

"As opiniões são verdadeiras, não foram exageradas. Foram é ditas num tom de voz para provocar reações"

Felicidade Sá entrou na casa do "Big Brother" no último domingo, 10 de outubro e os concorrentes aparentaram ter ficado de pé atrás. Durante a gala do formato, assistiram às opiniões da nova colega que, entre outras coisas, mencionou a necessidade de "desmascarar a Morina" e que "os mais fortes são para pôr de lado".

Vânia Sá explica que a mãe, efetivamente, tem aquela opinião, mas não fala, habitualmente, no tom de voz que utilizou. "Às vezes o tom de voz muda tudo, a expressão da cara... Até a roupa às vezes condiciona. (...) As opiniões são verdadeiras, não foram exageradas. Foram é ditas num tom de voz para provocar reações."

Convicta de que a mãe se vai dar bem com todos os concorrentes, é assertiva: "Vai chamar a Ana Morina à razão, mas não vai conseguir ver uma pessoa ali sozinha. Eu já lhe tinha dito que é muito difícil estar ali sozinha. E acho que ela tem uma maturidade diferente para saber que 'ok, não vamos aqui excluir uma pessoa, vou-lhe dar uma oportunidade'".

Durante o primeiro dia na casa do "Big Brother", segunda-feira, 11, Felicidade Sá comentou as edições anteriores e questionou Letícia sobre as personalidades fortes que já tinham vencido o programa, realçando que "são as sonsas que passam nos pingos da chuva". A filha concorda e ressalva que "os fortes só são lembrados, quem leva o dinheiro são os outros".

A passagem de Vânia Sá pela "Casa dos Segredos" ficou marcada por discussões e comentários polémicos. Afirmando que, na altura, "era uma miúda" e já não se revê nas suas atitudes, garante que a mãe tem outra maturidade que, quando concorreu, aos 21 anos, Vânia não tinha.

"Somos mesmo melhores amigas, almas gémeas"

Mais nervosa com a entrada da mãe no "Big Brother" do que com a sua participação na "Casa dos Segredos", a ex-concorrente do reality show deu algumas recomendações à mãe, antes de esta entrar na casa mas, sobretudo, aconselhou-a a ser ela própria — e garante que são "mesmo melhores amigas, almas gémeas".

"Limpa a tua mente, esquece o que os portugueses gostam e adoram, que tu até podes chegar lá e não te identificares com essas pessoas. Tens que dar oportunidade a todos do zero, para te sentires bem lá dentro, no jogo", foi o apelo que fez a Felicidade, assegurando-lhe que tinha liberdade para gostar de quem quisesse, independentemente da opinião do público.

Vânia Sá explica que as redes sociais são como uma novela, que depende do público. Apesar de ter consciencializado a mãe que, por ter entrado um mês mais tarde do que os restantes concorrentes, seria difícil chegar à final, conta que a tranquilizou: "Tudo o que tu fizeres é bom, desde que não sejas uma planta, porque bom ou mau, vais crescer nas redes sociais e depois cativas o público", terá dito a Felicidade.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.