E porque as escapadinhas não têm de ser apenas feitas no verão, que tal aproveitar os dias outonais, antes que o Natal chegue, para passear por Portugal? A pensar nesta estação e no melhor que o País tem para oferecer, a Câmara Municipal de Castelo Branco preparou um programa especial de outono. São as Outonalidades e prometem atividades a solo ou para toda a família e amigos.

Uma escapadinha sem se pôr num avião. 5 coisas que tem mesmo de conhecer (ou revisitar) no Centro de Portugal
Uma escapadinha sem se pôr num avião. 5 coisas que tem mesmo de conhecer (ou revisitar) no Centro de Portugal
Ver artigo

Desde o Museu da Seda, até ao Parque do Barrocal, aventure-se por Castelo Branco e deixe-se envolver pela cultura, natureza e gastronomia da região. Se não está nos planos levar carro, não se preocupe. Pode aproveitar a viagem a bordo de um comboio vintage que parte de Lisboa (e ainda lhe oferece descontos em vários museus). 

1. Do bicho à colcha, fique a conhecer o ciclo da seda 

Bordadas a fio de seda sobre linho, as colchas de Castelo Branco, assim como o bordado, são o ex-libris da cidade. Para que fique a conhecer o ciclo completo da seda, desde o bicho às conhecidas colchas, há três museus e um centro de visita obrigatória na cidade.

A começar pelo Museu da Seda, para além de poder observar os bichos da seda, vai ficar a conhecer a história da produção de seda em Portugal e o ciclo de vida do bicho. No final da visita poderá ainda usufruir de um tempo de descanso à sombra de uma amoreira. Os bilhetes do museu variam entre 1€ e 2€.

De seguida, fique a conhecer a oficina de tecelagem manual no Mutex - Museu dos Têxteis. Aqui vai poder visitar um espaço onde foram preservados, in loco, mecanismos originais, um espaço experimental e conhecer os mecanismos de tecelagem. Os bilhetes variam entre os 0,50€ e 1€, e os estudantes têm entrada gratuita.

No Centro de Interpretação do Bordado vai embarcar numa viagem às origens do bordado de Castelo Branco, desde a sementeira do linho à tecelagem. Aqui vai poder ainda assistir ao vivo ao processo de produção das colchas de Castelo Branco, pelas mãos das bordadeiras. Os bilhetes variam entre os 0,75€ e 1,50€, e os estudantes têm entrada gratuita.

Para terminar a viagem pelo ciclo da seda, no Museu Francisco Tavares Proença Júnior onde vai poder ver ao vivo a rara e vistosa colcha de Castelo Branco, datada do século XVIII. Os bilhetes variam entre 1,50€ e 3€. 

castelo branco
créditos: Instagram

2. Visite o Parque do Barrocal

Com aproximadamente 40 hectares e paisagens únicas, o Parque do Barrocal é o local ideal para tirar as melhores fotografias desta estação. Para além da paisagem granítica, o Parque conta ainda com passadiços, trilhos naturais, miradouros, parque infantil, observatório de aves, entre outras atrações naturais. Assim, no Barrocal vai poder absorver e experienciar um verdadeiro parque natural dentro da cidade de Castelo Branco. 

O parque está aberto de terça a domingo das 10h às 17h e a entrada é gratuita.

castelo branco
créditos: Instagram

3. Prove o ensopado de veado no Cabra Preta

E porque Castelo Branco também é conhecida pela gastronomia, não pode visitar a cidade sem se deliciar com os pratos típicos. 

No Cabra Preta, mesmo no centro da cidade, vai poder começar a sua experiência gastronómica com os petiscos, como os ovos mexidos com farinheira da aldeia (5€) ou o queijo DOP com mel e amêndoas tostadas (4,50€). Já no prato principal tem a oportunidade de provar opções como o ensopado de veado (29€), bacalhau no forno (14€), pernil tostado no forno (), ou polvo com queijo da serra (19€).

4. Viaje no comboio Vintage do Tejo

Durante os dias 19 e 26 de novembro, aproveite para viajar no colorido (e muito instagramável) comboio Vintage do Tejo. Com partida de Santa Apolónia, em Lisboa, e com Castelo Branco como destino final, a viagem deste histórico comboio é feita pelas paisagens ribatejanas e pelo percurso ribeirinho da linha da Beira Baixa onde poderá admirar o Castelo de Almourol e o Monumento Natural de Portas de Ródão.

Para embarcar nesta viagem, o bilhete custa 40€ por pessoa. As crianças dos 4 aos 12 anos pagam 15€. 

Para os clientes CP há 50% de desconto na entrada de museus em Castelo Branco como Museu Cargaleiro, Centro de Interpretação do Bordado de Castelo Branco, Centro de Cultura Contemporânea, Museu dos Têxteis, Casa da Memória da Presença Judaica, Centro de Interpretação do Jardim do Paço Episcopal, Museu Francisco Tavares Proença Júnior, Museu da Seda, Edifício dos Ex-CTT e Museu do Canteiro.

comboio vintage
créditos: Twitter

5. Durma no Hotel Meliã Castelo Branco

Nada melhor que terminar uma experiência cultural e gastronómica na cidade de Castelo Branco do que dormir num hotel no topo de uma colina com vista panorâmica para a cidade. No Hotel Meliã Castelo Branco, de quatro estrelas, para além da sauna e do banho turco, vai ainda poder relaxar na banheira de hidromassagem ou usufruir da piscina interior.

Para duas pessoas, e com pequeno almoço incluído, uma noite no Hotel Meliã fica a 114€. Para dois adultos e uma criança fica a 127€ por noite.

hotel melia
créditos: booking

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.