Nunca é tarde para dar início aos treinos, nem para arranjar alternativas que nos permitam praticar exercício físico sem ter de ir a um ginásio. Apesar de serem muitos os que preferem treinar em grupo, num ambiente próprio, e com a ajuda de profissionais por perto, a verdade é que durante o verão (e devido ao facto de irmos de férias para longe da nossa área de residência) as inscrições nos ginásios muitas vezes são congeladas.

Omni. Há uma nova plataforma de treinos online pensada exclusivamente para mulheres
Omni. Há uma nova plataforma de treinos online pensada exclusivamente para mulheres
Ver artigo

Contudo, se precisa de um incentivo para, mesmo de férias, continuar a treinar (seja onde for), temos boas notícias. A partir desta quarta-feira, 14 de julho, a Zumub Portugal passou a disponibilizar várias aulas online — e o melhor é que qualquer pessoa pode treinar gratuitamente.

"Aquilo que queremos é disponibilizar a todas as pessoas a hipótese de treinar em qualquer lugar e a qualquer hora de forma gratuita", explica João Moreira, responsável pela iniciativa da Zumub, à MAGG. De acordo com o profissional, o objetivo não é que esta iniciativa seja concorrente a ginásios ou outras plataformas virtuais da área do desporto, mas sim "uma rampa de lançamento para quem quer iniciar-se na atividade física ou complementar o treino que tem com acompanhamento personalizado", não sendo este o caso.

As aulas decorrem no Instagram, Facebook e Youtube da Zumub, em direto, entre as 7h30 e as 19h30, de segunda-feira a sexta-feira. Mas se nem ao fim de semana gosta de estar parado, ao sábado há aula de ginástica localizada, marcada para as 9h30, e treino funcional, marcado para as 12h15. Domingo é dia de ioga às 12h15.

Além destas modalidades, a Zumub disponibiliza ainda treinos de abominais, pilates, zumba, Hiit, strech ou GAP. Todos os treinos são dados por três dos profissionais qualificados da marca e a iniciativa estará disponível até ao dia 31 de julho.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.