Portugal regista já 32.203 infetados e 1.396 mortos pelo novo coronavírus. São estes os novos dados avançados pela Direção-Geral da Saúde (DGS) no boletim epidemiológico deste sábado, 30 de maio. Estes números representam um aumento de 257 infetados, enquanto as vítimas mortais registadas são mais 13 do que as de ontem.

O Brasil continua a ser um caso preocupante de infeções com COVID-19, tendo já ultrapassado a Espanha em número de mortes. Até sexta-feira à noite, 29 de maio, registaram-se mais 1.124 mortes, tendo já um total de 27.878 óbitos. Além de ser o quinto país com mais mortes, é o segundo com mais casos de infecção (465.166), ficando atrás dos Estados Unidos.

Twitter volta a adicionar aviso num tweet de Trump, desta vez sobre George Floyd
Twitter volta a adicionar aviso num tweet de Trump, desta vez sobre George Floyd
Ver artigo

Agora que o verão e as férias estão a aproximar-se, os emigrantes querem regressar a Portugal. Contudo, os voos são ainda reduzidos ou inexistentes para alguns destinos, e os emigrantes podem estar a adotar novas estratégias: “A minha perspetiva é que a maior parte dos emigrantes vá a Portugal de carro, atravessando as fronteiras terrestres e circulando nos corredores de trânsito em França e Espanha”, disse José Inácio Sebastião, conselheiro na Suíça, segundo a "Sapo Lifestyle" que sita a agência Lusa.

No sentido de ajudar os portugueses que queiram regressar no verão, a associação Cap Magellan lançou um site que reúne informação oficial sobre o estado das fronteiras entre Portugal e França.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.