Após 14 anos de buscas, um casal chinês reencontrou esta segunda-feira, 6 de dezembro, o filho que tinha sido raptado em 2007. Sun Zhuo, que atualmente tem 18 anos, desapareceu na cidade de Shenzhen com apenas 4 anos.

Filme sobre o desaparecimento de Rui Pedro. "Para estas mães, há sempre uma luz ao fundo do túnel"
Filme sobre o desaparecimento de Rui Pedro. "Para estas mães, há sempre uma luz ao fundo do túnel"
Ver artigo

O momento em que o casal se reuniu novamente com o adolescente está a emocionar o mundo, pois pôs fim à busca de mais de 10 anos que chegou a inspirar o filme "Querida", do diretor de Hong Kong Peter Chan, lançado em 2014.  Sun Haiyang e Peng Siying, pais do rapaz desaparecido, chegaram  a vender várias propriedades para financiar a busca e ofereceram uma recompensa de cerca de 27 mil euros por informações sobre o paradeiro do filho, avança a CNN.

O pai refere que, nos últimos anos, viajou por quase todas as regiões da China para procurar o filho, mas nunca conseguiu saber nada sobre o seu paradeiro (até agora). Sun Zhuo foi encontrado pelas autoridades chinesas na província oriental de Shandong, através de tecnologia de reconhecimento facial que permitiu identificar um suspeito, que foi acusado de sequestrar o jovem, lê-se na CNN.

Após o reencontro, o jovem revelou à imprensa chinesa a vontade de ficar com os pais adotivos, uma vez que foram eles que o criaram durante mais de 10 anos. Os pais adotivos de Sun Zhuo foram libertados sob fiança, enquanto aguardam julgamento, avança ainda a CNN, referindo que, segundo a lei chinesa, a pena máxima para o tráfico de pessoas é a morte e os compradores de pessoas traficadas podem ser condenados até três anos de prisão.

Em 2021, de acordo com dados das autoridades chinesas, mais de oito mil crianças sequestradas voltaram a ver os pais biológicos.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.