Pessoas não vacinadas contra a COVID-19 que queiram entrar em França vindas de Portugal ou Espanha passam a ter de apresentar um teste com menos de 24 horas. A nova medida foi anunciada pela França esta quinta-feira, 15 de julho, e entra em vigor já a partir deste fim de semana.

Procura por testes rápidos perto do fim de semana dispara e farmácias não têm mãos a medir
Procura por testes rápidos perto do fim de semana dispara e farmácias não têm mãos a medir
Ver artigo

"As pessoas podem ir a Espanha e a Portugal, especialmente quando estão vacinadas. Quando não estão vacinadas, quando vêm desses dois países onde a situação é difícil, é preciso apresentar um teste com menos de 24 horas", anunciou na manhã desta quinta-feira o secretário de Estado de Assuntos Europeus, Clément Beaune, na rádio "Franceinfo", citado pela "TSF".

Atualmente, um teste PCR ou antigénio de menos de 48 horas era suficiente para voltar a entrar em França, mas a situação mudou devido ao aumento do número de casos nestes dois países.  Quando questionado sobre se haverá obrigatoriedade de isolamento para os passageiros provenientes de Portugal ou de Espanha, o secretário de Estado disse que não, já que se trata de países da União Europeia, avança o mesmo jornal.

A nova medida surge depois de, recentemente, o Governo francês ter desaconselhado os franceses a escolher Portugal e Espanha como destino de férias, situação que depois foi remediada por diversos membros do Governo francês que esclareceram que não havia qualquer impedimento de deslocação para os dois países da Península Ibérica.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.