Depois da alegada agressão e da entrada do pedido de divórcio em tribunal pelas mãos do marido, Ana Hickmann quebrou o silêncio. A apresentadora brasileira, casada com Alexandre Correa há 25 anos, deu uma entrevista exclusiva para o programa "Domingo Espetacular", na Record, na qual partilha os detalhes do trauma que vivenciou, segundo "O Globo". A entrevista é emitida na íntegra este domingo, 26 de novembro.

Referindo-se ao incidente da agressão, que aconteceu no início do mês de novembro, Ana Hickmann afirmou: "Ele veio sim pra me dar uma cabeçada." De seguida, desabafou em relação ao medo que sentiu. "Comecei a gritar mesmo, porque ele não me soltava. Eu fiquei com medo dele. Sou eu que estou aqui machucada e eu fiquei machucada durante muito tempo", continuou.

À conversa com Carolina Ferraz, que está aos comandos do formato, a apresentadora explicou também que tinha dado entrada como uma medida protetiva de urgência contra o marido, que visa proteger mulheres vítimas de violência doméstica e familiar. Esta medida pode ser solicitada às autoridades ou diretamente ao Ministério Público, segundo a mesma publicação.

Escândalo no Brasil. Apresentadora Anna Hickmann apresenta queixa contra marido após agressões em casa
Escândalo no Brasil. Apresentadora Anna Hickmann apresenta queixa contra marido após agressões em casa
Ver artigo

Esta é a primeira vez que Ana Hickmann aborda o tema da agressão com mais detalhe, sendo que, no dia 10 de novembro, partilhou um vídeo nas redes sociais, no qual revelou que havia sido agredida. Contudo, recusou-se a contar a situação ao pormenor, alegando dever esse respeito ao filho do casal – que Alexandre Correa não vê há 14 dias, segundo um testemunho partilhado pelo próprio.

Foi também o empresário que, por sua vez, deu entrada com um pedido de divórcio, no qual divulgava o património da apresentadora, avaliado em 28 milhões de reais (o equivalente a mais de cinco milhões de euros). O casamento do par durava há 25 anos.

Ana Hickmann casou-se com Alexandre Correa em 1998, aos 16 anos e com autorização dos pais por ainda ser menor. O casal, que está junto há 25 anos, tem um filho em comum, Alexandre Júnior, 9 anos. Em novembro, apresentou queixa contra o marido, alegando ter sido vítima de violência doméstica. O desentendimento, que fez com que o empresário o encostasse à parede e ameaçasse dar-lhe cabeçadas, ocorreu em casa do casal, em Itu, São Paulo, tendo metido as autoridades ao barulho.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.