A rainha Isabel II, que assinalou os 70 anos de reinado em quatro dias de celebrações do Jubileu de Platina no Reino Unido, conheceu pela primeira vez a bisneta Lilibet Diana na quinta-feira, 2 de junho, no Castelo de Windsor, dia em que o neto Harry e a mulher Meghan Markle chegaram ao país para participar nas cerimónias. Não há fotografias do momento e, entre várias teorias, uma aponta que foi a rainha Isabel II que recusou o registo do encontro.

Harry e Meghan Markle terão pedido que o seu fotógrafo privado "captasse o momento em que Lilibet conheceu a rainha", no entanto, "foram informados de que não havia hipótese", disse uma fonte ao "The Sun. "Foi uma reunião familiar privada", refere a publicação, com base na mesma fonte, que acrescenta que a rainha temeria também que o neto e a mulher partilhassem as fotos com os media dos Estados Unidos.

Esta imagem de William, George (e a misteriosa senhora carrancuda) resume o concerto de homenagem à rainha Isabel II
Esta imagem de William, George (e a misteriosa senhora carrancuda) resume o concerto de homenagem à rainha Isabel II
Ver artigo

Contudo, uma versão diferente é defendida por uma outra fonte ao "The New York Post". "Apenas desfrutaram [os duques de Sussex] de uma visita privada e íntima com a rainha”, disse, acrescentando que Harry e Markle não pediram qualquer foto tendo em consideração o estado de saúde de Isabel II, que devido a uma "indisposição" não esteve sequer presente na Missa de Ação de Graças que aconteceu na quinta-feira, 2 — o mesmo dia do encontro com a bisneta.

Pode não haver fotografia do encontro entre a monarca de 96 anos e a bisneta, mas há foto da festa de aniversário de Lilibet Diana, que celebrou 1 ano este sábado, 4. A filha de Harry e Meghan e irmã de Archie, atualmente com 3 anos, teve direito a um piquenique nos jardins da Frogmore Cottage, a casa dos duques de Sussex no Reino Unido, e a uma fotografia encantadora em que veste um vestido azul bebé e uma bandolete a cobrir o cabelo.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.