São elas que se riem quando veem um casal de namorados a beijar-se. Ou quando na sala se diz que a Mariana gosta do Miguel. São também as crianças que dão as respostas mais sinceras. E como esta sexta-feira, 14 de fevereiro, é Dia dos Namorados, a MAGG foi ouvi-las.

Vicente já teve 11 namoradas, e não sabe bem como as geria, tal como Diana que teve dez namorados, não percebe bem porquê. Mas não é só de duas mãos cheias que as crianças de bibe vermelho, entre os 4 e os 5 anos, do Jardim Escola João de Deus, em Alvalade, Lisboa, veem o amor. Há quem tenha uma só relação e até mais duradoura do que algumas que, verdade seja dita, podemos já ter tido na adolescência ou na vida adulta.

Creches gratuitas para 56 mil crianças em Portugal
Creches gratuitas para 56 mil crianças em Portugal
Ver artigo

Para as crianças, o Dia dos Namorados não é só para aqueles que são atingidos pelo "anjo com uma seta" — dizia o Diogo, quando queria mesmo era referir-se ao cupido. É dia de celebrar o amor, seja ele com amigos ou família. O que interessa é dar e receber, e isso pode ir desde os afetos até às carta com palavras bonitas. Contudo, nem as crianças se livram de viver relações complicadas — é que Leonor diz que tem namorado, mas neste momento estão separadas. 

Os miúdos deram-nos ainda uma das respostas mais sinceras quando se falou de casamento. Sabem que pode não ser para a vida, e apesar de o divórcio ser uma possibilidade, isso não significa que os ex-namorados (e ex-casados) não possam ficar amigos — certo é que deixam de celebrar o Dia dos Namorados.

Afinal, parece que as crianças sabem o que é isto do amor e o que significa ter um namorado. Se querem? Há quem queira muito e, apesar de já se ter declarado, não foi correspondida. Ou quem nem pense nisso, porque há de chegar o tempo. Veja as respostas destes sábios.

Newsletter

A MAGG é uma magazine para mulheres MAGGníficas. A MAGG faz um apanhado das mais estranhas que encontrámos nos sites das lojas.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma magazine para mulheres MAGGníficas. A MAGG faz um apanhado das mais estranhas que encontrámos nos sites das lojas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.