Greta Thunberg vai continuar a (tentar) mudar o mundo, mas desta vez através da televisão. A ativista sueca de apenas 17 anos vai ter uma série de televisão na BBC criada com o objetivo de possibilitar aos espectadores a oportunidade de acompanharem todo o seu percurso — das viagens às reuniões importantes com investigadores de renome na área da ciência, líderes políticos e empresários.

A notícia foi revelada na segunda-feira, 10 de fevereiro, logo depois de a ativista ter aparecido num vídeo exibido durante a 92.ª cerimónia de entrega dos Óscares. Numa espécie de tributo à força dos documentários — que também são premiados nos Óscares — , foi mostrado um vídeo sobre uma conversa que Greta teve com o realizador David Attenborough, uma das maiores inspirações da ativista. Sabe-se agora que essas imagens faziam prever o que se confirmou pouco depois: Greta vai ter uma série que acompanha a sua jornada "que a leva à linha de frente das mudanças climáticas em alguns dos lugares mais extraordinários do mundo", revela a BBC em comunicado.

Personalidade do Ano. A história por detrás da capa da "Time" com Greta Thunberg
Personalidade do Ano. A história por detrás da capa da "Time" com Greta Thunberg
Ver artigo

Embora a série ainda não tenho nome anunciado e não se saiba exatamente para quando está prevista a data de estreia, espera-se que os episódios acompanhem também a transição da infância para a adolescência de Greta Thunberg que, com 17 anos, já criticou Donald Trump e outros membros do governo americano.

Segundo Rob Liddell, produtor da série à revista "Entertainment Weekly", poder trabalhar com Greta Thunberg é um "privilégio extraordinário" tento em conta a importância da mensagem que a ativista tem vindo a passar.

"A crise climática é um dos problemas mais importantes das nossas vidas e é cada vez mais oportuno que se faça uma série que explore os factos científicos por detrás deste tema complexo. Poder fazê-lo com a Greta é um privilégio extraordinário porque nos permite perceber como é quem alguém se torna num ícone global e um dos rostos mais famosos do planeta", explica.

Ainda durante a cerimónia dos Óscares, na qual se fez um preview deste projeto de Greta, foram várias as mensagens com uma vertente ambiental. Jane Fonda, que foi várias vezes detida depois de se manifestar pacificamente contra a inação do governo americano face à crise climática, também aproveitou a cerimónia dos Óscares para reforçar o quão importante é que existam cada vez mais pessoas a consciencializar-se para o que está a acontecer atualmente. "Não há nada mais importante do que consciencializar, não é verdade?", atirou para a plateia.

Joaquin Phoenix, que trocou a festa de Hollywood por um hambúrguer vegan com a namorada e atriz, Rooney Mara, usou o seu discurso como arma. "Penso que nos tornámos muito desligados do mundo natural. Muitos de nós são culpados de uma visão egocêntrica do mundo, e acreditamos que somos o centro do universo. Vamos à natureza e pilhamos os seus recursos. Sentimo-nos com o direito de inseminar artificialmente uma vaca e roubar-lhe a cria, mesmo que os seus gritos de angústia não deixem margem para dúvidas. Depois roubamos-lhe o leite que pertence à sua cria e colocamo-lo no leite e nos cereais".

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.