A primeira semana da CNN Portugal não podia ter corrido melhor. O canal do grupo Media Capital (cujas emissões arrancaram a 22 de novembro) destronou a SIC Notícias da liderança dos canais de notícias (no qual não se inclui a CMTV, considerada um canal generalista, e que é atualmente o mais visto dos conjunto de canais de cabo, com uma média de 4,4% de quota de mercado).

Entre os dias 22 e 28 de novembro, a CNN Portugal registou 2,5% de quota de mercado e uma audiência média de 58 mil telespectadores (cálculo feito à média destes sete dias). Quanto à SIC Notícias, registou 1,9% de quota de mercado e uma audiência média de 42 mil telespectadores. Quanto à RTP3, nessa semana registou 1,2% de share e uma audiência média de 26 mil telespectadores.

Memes, humor e críticas. Como a internet viu (e reagiu) à estreia da CNN Portugal
Memes, humor e críticas. Como a internet viu (e reagiu) à estreia da CNN Portugal
Ver artigo

Para percebermos de que forma a dinâmica dos canais de notícias foi afetada pela entrada da CNN Portugal, eis os números registados pelos canais de notícias da SIC e da RTP na semana anterior, de 15 a 21 de novembro. A SIC Notícias registou 2,3% de quota de mercado e uma audiência média de 50 mil telespectadores. Quanto à RTP3, registou 1,2% de share  e uma audiência média de 26 mil telespectadores. Ou seja, com a entrada da CNN Portugal, a SIC Notícias perdeu 0,4% de quota de mercado e 8 mil telespectadores. A RTP3 manteve os mesmos números.

Na segunda semana de emissões, o canal de cabo do grupo Media Capital transmite no "Jornal CNN" desta segunda-feira, 29 de novembro, a primeira entrevista de Rui Rio após a reeleição para presidente do PSD.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.