Numa conversa descontraída entre Sandra e Andreia, o assunto foi sobre quem, numa relação, deveria pagar as contas de casa ou um jantar romântico. As opiniões começaram a divergir no momento em que Sandra deu a conhecer o seu ponto de vista: a ideia de que deve ser sempre o homem a pagar um jantar.

"Muitas vezes vou fazer as compras para a casa toda. O meu marido nunca está a pensar em compras, mas eu vou lá [ao supermercado] e encho a minha casa cheia de compras. O meu marido nem imagina o que é preciso. Sabe lá ele... Por isso, eu assumo isso. Encho a minha casa com comida e ainda estou preocupada com a luz, com a água e com todas essas pequenas coisas", começa por explicar a concorrente.

E continua: "As coisas pequeninas pago eu. Quanto às coisas grandes, vou logo ter com ele."

"BB — A Revolução". Conflitos com André Filipe terão levado à retirada de Luís da casa
"BB — A Revolução". Conflitos com André Filipe terão levado à retirada de Luís da casa
Ver artigo

Andreia, no entanto, defendeu que, numa relação, quem ganha mais talvez seja capaz de "sustentar mais". "Quem ganhar mais, se calhar pode pagar mais um jantar, por exemplo." Quando, no entanto, perguntou a Sandra se ela achava que o marido gastava mais do que ela, a concorrente foi imperativa: "Ele gasta mais do que eu, porque é ele que me paga tudo."

"Não imagino ir de férias e... claro que há um almoço ou um jantar que, às vezes, pago. Mas é ele que faz questão de depois me dar o dinheiro de volta", explicou Sandra que rejeitou por completo a ideia de, caso ganhasse mais do que o marido, ser ela a assumir o custo de tudo o que fosse refeições fora de casa.

"Não, sou muito agarrada... pagar tudo? Não. Nem ia jantar fora sequer, comia em casa. Depois ficava sem dinheiro nenhum, nem penses. Quando estou a precisar de dinheiro, vou ao armário dele e sei que vou lá encontrar uma nota perdida. Ele não é nada materialista com dinheiro", concluiu.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.