Os últimos tempos têm sido de avanços e recuos em muitos países europeus devido à pandemia de COVID-19. No caso da Suíça, as novidades são positivas, uma vez que esta quarta-feira, 28 de outubro, de acordo com o jornal "Expresso", Portugal foi retirado da lista negra, o que significa que já pode viajar para o país sem ter de cumprir quarentena de dez dias — correndo o risco de pagar uma multa de dez mil francos suíços (9.350 euros) se não o fizesse.

Os Alpes são o destino ideal para umas férias de inverno, com frio e neve, tudo o que pode encontrar de manhã ao acordar numa destas casas incríveis com vista para as montanhas cobertas de branco.

Crítica. Há escorregas para as crianças e banhos de imersão para os casais. Conheça o novo Vila Galé Serra da Estrela
Crítica. Há escorregas para as crianças e banhos de imersão para os casais. Conheça o novo Vila Galé Serra da Estrela
Ver artigo

Além de relaxar neste ambiente, a COVID-19 deverá andar mais afastada por estes lados, uma vez que aqui pode estar quase em total isolamento (a não ser quando esbarrar com alguém enquanto se desafia numa estância de esqui).

Para usufruir de toda a paisagem e atividades em segurança, terá apenas de escolher um destes alojamentos e, adiantamos já, a escolha não será fácil.

Chalet Riquet - Ski/in-out - Jacuzzi

Quando falámos em esqui não estávamos a brincar. A época está aberta e ao ficar neste alojamento não tem como escapar de uma das maiores atrações das férias de inverno, uma vez que o Chalet Riquet, localizado em Nendaz, na Suíça, tem acesso direto às pistas.

Já no que diz respeito à casa, as atenções viram-se para a banheira de hidromassagem, que fica lá fora com vista para as montanhas cobertas de neve. Depois de aquecer no jacuzzi, dentro da casa o quentinho mantém-se através da decoração de tons quentes, como o castanho escuro dos sofás e o tom das madeiras, bem como pela lareira que, mesmo se não estiver acesa, adiciona conforto à decoração.

O Chalet Riquet tem capacidade para receber uma família de 12, uma vez que a casa dispõe de cinco quartos. Quanto a refeições, largas frigideiras não faltam na cozinha equipada para cozinhar para tanta gente.

Uma noite em novembro, por exemplo, custa a partir de 2.147€.

Domus Major

Trocamos o jacuzzi pela sauna e sala de vapor, no entanto, nada se perde, só o corpo se transforma em gotas de toxinas libertadas. O Domus Major fica em Bellwald e tem a pista de esqui mesmo ao lado. A neve que percorre na pista de certa forma transfere-se para dentro da casa através da decoração em tons brancos que marca o alojamento.

Contudo, a madeira é, mais uma vez, ponto assente, quer nos troncos que se espalham pela casa, quer pelas camas nas quais assenta um colchão de aspeto bem confortável — em cada um dos cinco quartos, que permitem alojar até oito pessoas. E o que é que também não podia faltar? Uma lareira para aquecer os pés e a alma antes de dormir e uma vista incrível ao acordar.

Uma noite em novembro, por exemplo, custa a partir de 1.087€.

Backstage Boutique SPA Hotel

Terminámos a viagem de sonho até aos Alpes Suíços com chave de luxo: um hotel de cinco estrelas, outras duas, Michelin, no Restaurante After Seven, de Ivo Adam, e ainda 17 pontos Gault Millau (guia de restaurantes francês).

Aqui o conforto anda lado a lado com o luxo, desde logo nos quartos com varanda privada e vista para os Alpes Suíços. Já para não falar da típica decoração de Boutique Hotel pensada ao pormenor para saltar à vista mal se abram portas.

Isso reflete-se no candeeiro feito de violinos e saxofones, na cama elevada em relação ao patamar que corresponde à sala de estar que, por sua vez, está separado por uma estrutura envidraçada onde fica a casa de banho.

Tendo em conta o nome, Backstage Boutique SPA Hotel, não podia faltar uma zona de spa com banheira de hidromassagem, sauna, banho de vapor e sala de massagens.

Uma noite para duas pessoas em novembro, por exemplo, custa a partir de 239€, com pequeno-almoço incluído.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.