Vivemos tempos difíceis, nos quais toda a ajuda aos profissionais de saúde é necessária e bem-vinda. Depois dos longos turnos que têm pela frente no combate à pandemia da Covid-19, resta-lhes pouco tempo para tratar das coisas simples do dia a dia. Com o intuito de ajudar, Tomás Noronha e Rodrigo Ruiz, fundadores da "Dona Rosa", tomaram a iniciativa de oferecer aos profissionais de saúde o serviço gratuito de limpeza de roupa até a um valor de 30€.

A Dona Rosa — projeto sobre o qual MAGG já lhe falou — nasceu em 2019, após Tomás e Rodrigo sentirem que havia em Portugal uma necessidade de um novo conceito de lavandaria. Neste caso, a Dona Rosa trabalha com lavandarias parceiras e a recolha e entrega de roupa é feita através de uma app, algo que passou a existir pela primeira vez no País. Deste modo, e ao contrário do que acontece com as lavandarias tradicionais, a recolha e entrega são feitas com muito mais frequência, indo ao encontro dos horários dos clientes.

Dona Rosa é a nova app que lhe leva roupa lavada e engomada até casa
Dona Rosa é a nova app que lhe leva roupa lavada e engomada até casa
Ver artigo

Tal como aconteceu em março passado, nesta nova fase da pandemia a empresa volta a ajudar os profissionais de saúde. "Tivemos esta ideia porque, como toda a gente sabe, eles não têm tempo para fazer absolutamente mais nada a não ser tratar dos doentes e achámos que é a nossa maneira de poder contribuir de uma forma positiva para toda a situação que estamos a viver", revela acrescentando que a vontade era ajudar todas as pessoas que estão a trabalhar no combate à pandemia.

O serviço é destinado a médicos, enfermeiros, auxiliares de ação médica, "basicamente quem lida nos hospitais com os doentes Covid", explica. Através da atribuição de um código promocional de 30€, a Dona Rosa compromete-se a recolher e entregar ao domicílio as roupas dos profissionais que solicitarem este apoio. Apenas batas e uniformes não são aceites por questões de higiene, mas qualquer outro tipo de roupa é bem-vindo e será tratado pela Dona Rosa com todo o carinho e dedicação de modo a agradecer o esforço que tem sido feito por todos os portugueses.

Enfermeira continua desaparecida. Família apela à ajuda de todos
Enfermeira continua desaparecida. Família apela à ajuda de todos
Ver artigo

A iniciativa teve início a 20 de janeiro e termina a 7 de fevereiro, mas Tomás assume que a opção de voltar a realizá-la não está posta de parte e irá depender da forma como evolui a situação pandémica em Portugal.

Como pedir ajuda à Dona Rosa?

O processo é fácil para que o nível de preocupação seja o menor possível. Se quiser usufruir desta ajuda basta proceder ao envio de um mail para geral@appdonarosa.com ou enviar uma mensagem para o Whatsapp, para o número 938 693 832. No email ou mensagem deve constar uma fotografia da cédula profissional (frente e verso) e, por fim, fazer o pedido de acordo com as indicações dadas pela equipa Dona Rosa.

O serviço está disponível nos concelhos de Lisboa, Odivelas, Amadora, Oeiras e Cascais.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.