Esta quinta-feira, dia 1 de julho, será inaugurada a estátua de homenagem à princesa Diana para assinalar o seu 60º aniversário de nascimento, bem como o aproximar da data em que se assinala o 24º ano da sua morte, a 31 de agosto. Lady Di, também conhecida como a Princesa do Povo, morreu em 1997, vítima de um trágico acidente de carro, em Paris, resultante de uma perseguição de paparazzi.

A estátua foi encomendada em 2017, mas acabou por haver um atraso devido à pandemia da COVID-19. Para além de celebrar a sua vida, a escultura de Diana terá também o objetivo de apelar de todos os visitantes do Palácio de Kensington à reflexão sobre "a sua vida e o legado". "A nossa mãe tocou tantas vidas", disseram os príncipes Harry e William, citados pela "BBC".

Já nasceu a filha de Harry e Meghan Markle. Nome da bebé é uma dupla homenagem
Já nasceu a filha de Harry e Meghan Markle. Nome da bebé é uma dupla homenagem
Ver artigo

Estátua é desejo de William e Harry

Apesar da zanga entre os príncipes William e Harry, inflamada pela saída dos duques de Sussex da família real britânica, os dois irmãos vão juntar-se para homenagear a mãe. Na origem da tensão entre o duque de Cambridge e de Sussex estão vários motivos, como o facto de Harry se ter mudado para a Califórnia com Meghan Markle, onde iniciou uma nova vida. A última discussão terá acontecido no funeral do avô, Filipe, duque de Edimburgo, a 17 de abril.

Segundo o historiador Robert Lacey, autor de "Battle Of Brothers" ("A Batalha dos Irmãos", numa tradução livre para português) e consultor da série "The Crown", não existiu paz entre os dois príncipes nesse dia. "A fúria e a raiva entre os dois irmãos tornaram-se incrivelmente profundas. Muitas coisas duras e dolorosas foram ditas", conta Lacey, em declarações ao jornal "Daily Mail".

Ainda assim, William e Harry não deixam de se juntar para prestar mais uma homenagem à mãe. Os dois irmãos vão reunir-se em Londres, Inglaterra, para a inauguração da estátua da Princesa de Gales, que haviam começado a preparar em 2017.

Onde vai ficar a estátua da Princesa Diana?

A escultura de Lady Di vai ficar no Jardin Sunken, no Palácio de Kensington. Este era um dos espaços favoritos da princesa palácio. Em 2017, para assinalar o 20º aniversário da sua morte, foram plantadas várias flores naquele espaço, tal como lírios brancos, rosas, tulipas, margaridas e narcisos.

Estas flores, que eram as suas favoritas, de acordo com alguma imprensa internacional, foram plantadas com o objetivo de comemorar a sua vida e legado perpetuado após a morte.

O Palácio de Kensington é uma das residências oficiais da família real, que o tem utilizado desde o século XVII. Atualmente, é a residência oficial de Kate e William. Para além dos jardins requintados, o palácio é composto por quatro andares, com mais de 20 quartos, cinco salas de receção e um berçário diurno. Esta residência, apesar de não se conhecerem todos os detalhes do seu interior, é bem diferente do Palácio de Buckingham, a residência oficial da rainha Isabel II.

Kate Middleton deverá falhar evento de inauguração

Kate Middleton não deverá marcar presença na inauguração da estátua de Diana, bem como os filhos George, de 7 anos, Charlotte, de 5, e Louis, de 3. Devido às restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus, a lista de convidados teve de ser reduzida. Por isso, esta será a justificação de William para não levar a mulher ao evento de homenagem à mãe.

Para além disso, o duque de Cambridge também quererá evitar conflitos e o encontro de Kate com Harry. A ausência de Kate na homenagem poderá ser vista como um "golpe" para aqueles que esperavam que a duquesa agisse como "pacificadora" entre os conflitos que os dois irmãos mantêm, diz o tabloide britânico "Daily Mail".

Quantos convidados vão estar na inauguração?

Para a cerimónia, que irá decorrer nos jardins do Palácio de Kensington, estarão convidadas apenas 100 pessoas que eram próximas da Princesa de Gales. Entre elas, e para além de William e Harry, estará o comité responsável pela organização, o escultor Ian Rank-Broadley, autor da estátua, e Pip Morrison, o responsável pelos jardins daquela residência, segundo comunicado oficial da família real.

O evento, com um número resitrito de convidados, não vai ser transmitido na televisão. A hora da cerimónia também não foi revelada.

Ian Rank-Broadley é o autor da estátua de Lady Di

O escultor da estátua de lady Di é Ian Rank-Broadley, mais conhecido por ser o artista que desenhou a famosa imagem da rainha Isabel II que é usada nas moedas inglesas, desde 1998. Para além disso, Rank-Broadley também se dedica a criar muitas outras imagens em três dimensões, que tem sido o tema central da sua carreira, de acordo com as informações disponibilizadas no seu site.

O artista diz não se prender a modelos ou moldes daquilo que é o corpo. Há vários anos que estuda e cria esculturas de forma intuitiva. "A forma e a articulação da figura absorveram-me por completo. Com o passar dos anos, gradualmente, comecei a perceber o corpo de forma intuitiva e assim pude dispensar o modelo", refere.

Veja aqui algumas esculturas de Ian Rank-Broadley

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.