A pandemia de COVID-19 e o consequente confinamento em março do ano passado trouxeram-nos um desafio: ter pão fresco na mesa sem sair de casa. Como português que é português não pode passar sem pão, pôs literalmente as mãos na massa, dando origem à pãodemia. Contudo, a dificuldade em aceder a frescos continua neste segundo confinamento. Quem não tem hortas no quintal ou na varanda, começou a pedir cabazes, mas faltava uma solução para os iogurtes. Ainda não é uma tendência, mas não tarda vai ver toda a gente a procurar as iogurteiras antigas.

Ou talvez não seja preciso tanto. Existem várias formas simples de fazer iogurte, sem ter de recorrer a iogurteiras, a robôs de cozinha e, principalmente, sem precisar de mais do que dois ingredientes para a fórmula mais básica. Além de receitas simples que garantem o stock em casa, deste modo vai estar a evitar o desperdício das múltiplas embalagens de iogurte que habitualmente compra.

Quer um leite creme queimado saudável, sem lactose, farinha ou ovo? Veja a receita de Catarina Gouveia
Quer um leite creme queimado saudável, sem lactose, farinha ou ovo? Veja a receita de Catarina Gouveia
Ver artigo

E o que não faltam são variações, ora de iogurtes mais consistentes estilo grego, ora aptos para vegetarianos e vegans que preferem um "iogurte" livre de produtos de origem animal, mas com todo o sabor. Contudo, no que diz respeito aos iogurtes de origem animal, o ideal é usar "leite pasteurizado em vez de leite esterilizado ou ultrapasteurizado (UHT)", uma vez que tende a ser mais saboroso e a fermentar melhor, de acordo com um guia para fazer iogurte em casa do "The New York Times".

Em qualquer um dos casos, as receitas são uma espécie de magia da multiplicação, uma vez que basta um litro de leite ou uma chávena de cajus — sim, é possível fazer iogurte de caju —, para conseguir até um litro de iogurte caseiro. Não acredita? Veja os exemplos.

Iogurte natural caseiro

Iogurte Natural Caseiro
Iogurte Natural Caseiro créditos: Blogue "As minhas Receitas"

Ingredientes (para cerca de um litro de iogurte)

  • 1 litro de leite gordo do dia
  • 1 colher de sopa de iogurte natural

Modo de preparação

Aqueça o leite até 50ºC. (Se não tem um termómetro, teste a temperatura do leite com o dedo. Tem de estar bem quente, mas de modo a que aguente ter o dedo no leite quente. Caso aqueça demais, basta aguardar que arrefeça novamente até essa temperatura. Se tiver uma Bimby ou outro robô do género, utilize o controlo de temperatura para ter o leite à temperatura desejada). Acrescente a colher de sopa de iogurte e misture bem.

Deite o preparado num frasco de vidro grande ou nos copos da iogurteira ou ainda em garrafinhas e deixe fermentar entre 8 a 12 horas, caso queira iogurte liquido ou sólido. Pode preparar os iogurtes na iogurteira, mas para fermentar sem iogurteira, coloque água a ferver dentro dos recipientes nos quais vai colocar o iogurte para que ao colocar a mistura no frasco, este esteja morno. Deixe a água no frasco alguns minutos, enquanto aquece o leite e prepara a mistura, e deite depois fora a água e encha com a mistura de iogurte. Embrulhe o frasco numa manta polar e coloque dentro do forno que pré-aqueceu a 60ºC e que depois desligou. Ou então embrulhe na manta polar juntamente com um saco de água quente e deixe num local fechado a fermentar as 8 a 12 horas, consoante queira iogurte líquido ou sólido. Depois de fermentar, coloque no frigorífico e consuma quando estiver fresco.

Esta receita é do blogue "As minhas Receitas" de Joana Roque.

Iogurte grego

Iogurte grego
créditos: Amnah Mohammad/Pexels

Ingredientes (para oito doses)

  • 2 litros de leite
  • 2 colheres de chá de iogurte natural probiótico

Modo de preparação

Aqueça o leite mexendo sempre até este atingir os 79ºC a 82ºC. Deixe o leite arrefecer até aos 38ºC a 46ºC. Misture o iogurte e verta a mistura para uma taça de cerâmica. Ligue o forno no máximo durante um minuto, só para ficar morno, e depois deixe-o só com a luz acesa para mantê-lo aquecido. Coloque uma tampa ou um pouco de película aderente por cima da taça e envolva-a ainda com um pano de cozinha grosso ou vários. Ponha a taça no forno e deixe lá dentro entre 8 a 12 horas até engrossar. Passado esse tempo, mexa o conteúdo e siga para o passo seguinte.

Coloque um filtro de café ou um pano fininho por cima de outra taça e verta a mistura para coar. Deixe assim durante uma hora até eliminar todo o líquido. No fim, bata o iogurte com uma batedeira e guarde-o, tapado, no frigorífico.

Esta receita é do blogue "Kitchen Simplicity".

"Iogurte" vegan de caju e manga

créditos: Blogue "Cocoon Cooks"

Ingredientes (serve 2 a 4 porções)

  • 1 chávena (130 gramas) de cajus crus demolhados em água filtrada durante um mínimo de 4 horas, lavados e escorridos
  • 1/2 chávena (125 ml) de leite de arroz
  • Sumo de 1/2 lima
  • 1 colher de sopa de xarope de malte de arroz
  • 1 colher de chá de óleo de coco
  • Polpa de 1/2 manga madura (cerca de 1 chávena)

Modo de preparação

Junte todos os ingredientes numa liquidificadora. Triturar durante alguns minutos ou até obter um creme cremoso e homogéneo. Pare as vezes necessárias para raspar os lados do copo e envolva quaisquer pedaços no restante creme. Transfira para um frasco ou recipiente hermético. Reserve no frigorífico durante 30 minutos antes de servir. Consuma num prazo máximo de três dias.

Esta receita é do blogue blogue "Cocoon Cooks".

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.