Bruno Nogueira esteve no webshow "É Preciso Ter Lata" e, confrontado por Pedro Ribeiro e Rita Rugeroni sobre um comentário de um hater, não se furtou a responder. Só que este comentário depreciativo, sobre o programa de humor da SIC "Principio, Meio e Fim", foi feito por uma colega de profissão, a veterana da representação São José Lapa. "Escatologia, sexo, não é um programa de humor. É querer agradar a uma minúscula fatia de espectadores com lobby montado, graçola pós-modernaça já muito batida, velha e sem graça", comentou a atriz.

"Tinhas são José Lapa como uma hater?", questiona Pedro Ribeiro. "Não, mas concordo com tudo o que ela diz. Eu próprio acho isso do programa e não se contradiz São José Lapa. Assim por princípio. Nem Simone de Oliveira", começa por dizer Bruno Nogueira.

O "MacGyver da comédia" com "lata". Bruno Nogueira segundo quem trabalhou com ele
O "MacGyver da comédia" com "lata". Bruno Nogueira segundo quem trabalhou com ele
Ver artigo

O humorista e autor continua, fazendo uma analogia com... sapatos. "Com este programa acontece uma coisa que eu acho que também acontece com comédia, com arte em geral. Se tu vais a uma sapataria, calças o 42, se pedires o 38, dizem-te 'mas você calça o 42'. 'Tá bem, mas eu quero o 38'. E há pessoas que, com este programa, fazem isso. Pedem o 38 mas calçam o 42. E a São José Lapa calça o 38. Está tudo bem, não tem de calçar o 42. Agora dir-se-á: não é a maneira mais inteligente de comprar sapatos. Há tanta coisa, tanto sapato grande, pantufa da serra da estrela, grandalhona", elabora Bruno Nogueira.

Depois desta analogia, o autor de "Princípio, Meio e Fim" fala sobre o envelhecimento no meio artístico. "Acho que deve ser muito complicado envelhecer nesta profissão. Acho que, às vezes, há assim dissabores que são difíceis de manteres para ti próprio. Mas são assim exemplos de coisas que eu gostava de não seguir. Quando vejo a velha guarda, a tentar boicotar a nova geração, é sempre para mim uma lição de coisas que, se tudo correr bem na minha vida, não quero repetir. É sempre um sinal de que está a correr qualquer coisa mal naquele envelhecimento".

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.