Discussões, choro, pedidos de namoro, revelações surpresa e uma expulsão que surpreendeu muita gente. Houve tudo isto e muito mais na última gala do "Big Brother 2020", que marcou a saída de Daniel Guerreiro da casa, com Teresa, Diogo e Noélia a permanecerem em jogo. Na reta final do programa, o mentalista foi expulso pelos portugueses, depois de arrecadar 20 por cento dos votos, numa semana em que as votações eram pela positiva.

Diogo foi o concorrente com mais votos (31%), seguido de perto por Noélia (27%), e foram os primeiros a regressar à sala, para junto dos colegas. No entanto, foi dito aos concorrentes que isto não significava obrigatoriamente que fossem os dois participantes com mais votos, embora tenha sido exatamente isso que aconteceu. Teresa também regressou ao interior da casa, com os 22% dos votos a serem suficientes para escapar à expulsão, mesmo que por uma margem muito pequena.

"BB2020". Teresa é nomeada, arrisca expulsão e leva lição de Ana Catharina: "Eu abro as pernas quando quiser"
"BB2020". Teresa é nomeada, arrisca expulsão e leva lição de Ana Catharina: "Eu abro as pernas quando quiser"
Ver artigo

Mas para além da expulsão, foram vários os momentos marcantes na última gala, durante a qual Cláudio Ramos anunciou o regresso de dois ex-concorrentes à casa. Já se sabe que não estarão a concorrer pelo prémio final, mas podem ser recompensados se cumprirem os pedidos do Big Brother. Ainda não é claro quanto tempo vão permanecer na casa, nem quando vão entrar, mas espera-se que tal aconteça ainda esta semana.

A decisão sobrem quem vai voltar à Ericeira cabe ao público, que já pode votar nos seus concorrentes favoritos na aplicação oficial do programa: estão todos a jogo menos Pedro Soá e Sónia, o primeiro foi expulso e Sónia acabou por desistir. Dentro da casa, os concorrentes já sabem que vão ter novos moradores, mas não fazem ideia de que serão antigos companheiros de jogo.

Mas vá, vamos lá a isso, que existe muita coisa para analisar. Espreite os melhores e piores momentos da última gala do "Big Brother 2020".

Piores momentos

1. O "embate" de Diogo e Teresa

No início da gala, Cláudio Ramos avisou que a noite seria feita de confrontos, com os participantes a terem momentos de frente a frente, onde poderiam ter acesso a imagens e a declarações que tinham proferido uns sobre os outros. O primeiro foi entre Diogo e Teresa, e as imagens mostradas faziam antever um momento polémico: entre outras situações, foi revelado o momento em que Teresa questionava como é que era possível "abrir-se as pernas em dois dias", referindo-se a Ana Catharina e à sua relação com Diogo.

Mas não foi nada disso que aconteceu. Assim que o Big Brother avisou que a dupla tinha dois minutos para se confrontar, Teresa desconversou, disse que uma das imagens tinha sido mal editada e que Diogo não se referia a ela. Mas foi mesmo o concorrente de Lisboa que desiludiu mais neste confronto, quando assumiu uma postura irónica e preferiu apenas dizer a Teresa que esta estava muito bonita.

Quem foi aos arames com o sucedido foi Cláudio Ramos, que não disfarçou em nada o seu descontentamento com a postura dos concorrentes. "Eu também tenho 47 anos, e a mim só me fazem de parvo quando eu quero", disse o apresentador antes de fechar o segmento e ir rapidamente para intervalo. Quando os concorrentes regressaram à sala, Cláudio Ramos bem se tentou acalmar, mas voltou a perder a paciência com Diogo, quando este se tentava justificar, dizendo que no momento não tinha nada para dizer.

O apresentador disse mesmo que tanto Diogo como Teresa gozaram com a sua cara, deixando um ambiente tenso na sala. Já no estúdio, Ana Garcia Martins também concordou que Teresa é muito frontal, mas fica sempre com um ar algo surpreso quando vê imagens suas, mas que a postura de Diogo foi realmente errada, e não deu sequer hipótese à concorrente para falar mais a sério. Não sei quanto a vocês, mas eu senti as dores de Cláudio Ramos: todo o momento foi ridículo, e Diogo desiludiu por não querer confrontar minimamente a colega.

2. A expulsão de Daniel Guerreiro e o drama de Soraia

Poucos minutos depois de o programa começar, Cláudio Ramos questionou Ana Garcia Martins sobre os seus palpites. A Pipoca Mais Doce (que estava linda, melhor look das galas, btw) referiu que tinha a certeza que Teresa ia abandonar o jogo na semana passada, mas tinha mudado de ideias. Muito provavelmente devido à alteração do método de votação, Ana Garcia Martins afirmou achar que os portugueses se mobilizam mais para expulsar do que para salvar, e temia que Noélia ou Daniel Guerreiro pudessem sofrer com isso.

E foi realmente isso que aconteceu: apesar da postura muito mais conflituosa de Teresa, Daniel Guerreiro acabou mesmo por ser expulso, exatamente na mesma semana em que assumiu o seu relacionamento com Soraia, e surgiram os primeiros beijos entre os dois.

Se na semana passada, Soraia ia tendo um AVC com a falsa expulsão de Daniel Guerreiro, não era difícil de prever que a concorrente do Seixal não ia reagir bem ao sucedido. Quando viu Teresa regressar à sala, levantou-se imediatamente, começou num pranto de lágrimas, e por momentos achei que fosse mesmo desmaiar, parecendo estar sem força nas pernas. Pedro Alves lá apareceu e disse-lhe para ter calma, que faltavam duas semanas para o programa acabar, e Soraia acabou por conseguir voltar a si. Relaxa, amiga, tens tempo para muitos "linguadões até ao esófago" cá fora.

3. Cláudio, já chega de chover no molhado

Durante a última semana, Diogo teve alguns problemas em relação ao desempenho das provas semanais, mas recusou-me mesmo a fazer duas atividades individuais: a curva da vida e a prova dos espelhos. O concorrente de Lisboa não quis desempenhar nenhuma das duas atividades, assumindo que na primeira iria colocar em causa as pessoas da sua família, e que nunca faria isso; já na dos espelhos, mostrou-se sem paciência e assumiu que as pessoas é que o têm de conhecer.

Na noite de domingo, Cláudio Ramos trouxe o sucedido à baila, e questionou Diogo sobre o porquê de não ter querido desempenhar as provas. Depois de Diogo repetir as razões, ficámos minutos presos num segmento em que Cláudio perguntava a Diogo se este estava capaz psicologicamente de jogar o jogo com estas regras, Diogo dizia que sim, e Cláudio repetia a pergunta — e ficámos presos neste "Dia da Marmota" durante demasiado tempo, sem que se chegasse a lado nenhum.

Surpresa! Dois ex-concorrentes vão regressar à casa do "Big Brother 2020"
Surpresa! Dois ex-concorrentes vão regressar à casa do "Big Brother 2020"
Ver artigo

O apresentador insistia que só queria ter a certeza que Diogo estava bem, o concorrente dizia que sim, e até afirmou que estava tão preparado para o jogo que assumia as possíveis consequências de não desempenhar as tarefas, como uma nomeação direta ou até a expulsão. Nada disso aconteceu a Diogo, que também explicou que ao fazer essas atividades, precisaria ainda mais de apoio psicológico, o que já acontece regularmente na casa.

O momento lá acabou, e ao comentar o sucedido, Ana Garcia Martins discordou de Cláudio Ramos, afirmando que o que Diogo está a fazer é uma forma de se proteger, mas não deixa de jogar o jogo.

4. As nomeações de Teresa

A minha memória é cada vez pior, mas nem por isso me esqueço que Teresa afirmava constantemente que Iury e Sandrina não faziam o mínimo esforço para se darem com ela, tendo chamado ou insinuado várias vezes que a agora namorada de Daniel Monteiro era sonsa. Por outro lado, foi notória uma cumplicidade com Noélia, bem como com Soraia, com quem tinha uma relação de quase filha.

Ora bem, chegamos à ultima gala de domingo e Teresa nomeia exatamente quem? Pois, Noélia e Soraia, afirmando que são as pessoas de quem está mais afastada, e dizendo mesmo que mantém o mínimo de convivência com Noélia. Alguém me explique esta lógica, que estou longe de percebê-la.

Melhores momentos

1. Ana Catharina, pede a coroa à Pipoca. Mereceste-a por completo

Durante as declarações de amor de Diogo a Teresa (perdão, frente a frente), as imagens que a dupla viu na sala anexa à casa também foram exibidas na sala. Assim, Ana Catharina teve acesso aos comentários de Teresa, e desde os primeiros momentos da gala que estava com uma cara algo estranha e pensativa.

Quando Cláudio Ramos a chamou para o confessionário, a brasileira pediu para dizer algo. O apresentador ainda perguntou se não podia ser no confessionário, mas a concorrente preferiu falar na sala. E foi aí que deu uma lição a Teresa. Depois de explicar que Diogo não tinha nada a ver com as suas pernas, talvez num reparo a quem decidiu mostrar as imagens ao concorrente e não diretamente a Ana Catharina, a participante afirmou: "Queria só dizer que eu abro as minhas pernas a quem eu quiser, quando eu quiser e aonde eu quiser. As pernas são minhas", arrancando um efusivo aplauso do estúdio e deixando Teresa sem palavras.

Ana Catharina fê-lo com frontalidade, educação e zero peixeirada, mostrando porque é que é cada vez mais uma das favoritas à final do "Big Brother 2020".

2. Diogo esteve mal, mas lá conseguiu arrancar um sorriso a Cláudio Ramos

Depois do momento tenso entre Diogo e Cláudio Ramos, o concorrente estava juntos aos três colegas nomeados na sala de decisões, enquanto aguardavam para saber quem tinha sido expulso pelos portugueses. Quando o apresentador perguntou a Diogo se estava com medo de sair, o concorrente disse que sim, que queria muito ficar, principalmente porque tinha medo de levar na cabeça de Cláudio Ramos quando chegasse ao estúdio. O apresentador não conteve o sorriso, e acabou por dizer que só quer que os concorrentes estejam bem. E pronto, a ordem foi restaurada.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.