A noite de sábado prometia. Numa edição especial do "Extra", Maria Botelho Moniz moderou um frente a frente entre um dos concorrentes mais polémicos do "Big Brother 2020", Pedro Soá, e os comentadores Ana Garcia Martins, também conhecida como "A Pipoca Mais Doce", e Pedro Crispim. Em causa estariam os comentários que a dupla fez sobre o participante ao longo de toda a sua prestação no programa, que terminou com a expulsão de Pedro Soá depois de um momento agressivo na casa. O concorrente não é fã de críticas e chegou a incentivar, através das suas redes sociais, a que a dupla de comentadores o confrontasse pessoalmente. No debate estava também presente Cinha Jardim, a partir de hoje conhecida como a advogada de defesa do concorrente do Montijo. Mas já lá vamos.

Amigos, estamos todo vivos ou morremos a rebolar a rir com as justificações de treta de Pedro Soá? Ora bem, para início de conversa, o concorrente que participou no "Extra" deste sábado foi um Pedro bastante diferente daquele que vimos na casa, nos programas de televisão, como o "Você na TV", ou mesmo através das suas redes sociais. E não, não sou a única a dizer isto. Através de uma gravação, e ainda antes de o programa se desenrolar, Marta Cardoso, outra das comentadoras do "Extra", lamentou não estar presente no debate e avançou estar curiosa para saber "qual faceta do Pedro Soá" se iria sentar no sofá. Marta, não sei se já conseguiste puxar a emissão para trás, mas faço-te aqui um spoiler alert: na noite de sábado, vimos um Pedro a tentar arranjar as justificações mais sem sentido para o seu comportamento, com muitos lugares-comuns à mistura. Ou, se preferires, o Peixinho Pedro.

"Big Brother 2020". Pedro Soá vai ao “Você na TV” e critica Diogo: “Ele é um bocado amorfo”
"Big Brother 2020". Pedro Soá vai ao “Você na TV” e critica Diogo: “Ele é um bocado amorfo”
Ver artigo

E foi exatamente assim que Pedro Soá abriu a conversa. Assim que lhe foi dada a palavra, o concorrente do Montijo começou por dizer que é um peixinho neste circo mediático das televisões, imprensa e redes sociais. Pelo caminho, conseguiu também dizer que a única pessoa que conhecia dos presentes era Cinha Jardim (curiosamente, a única que o defende), e que não fazia ideia de quem era Ana Garcia Martins, Pedro Crispim ou Maria Botelho Moniz porque, e cito, "não vejo televisão". Ahh, que saudades desta afirmação tão incrível que quer no fundo dizer algo como "sou super acima, super erudito, olha para mim que só vejo documentários sobre fotosíntese no Sri Lanka". Estão a apanhar a ideia, certo?

Apesar de se considerar um peixinho nestas andanças, Pedro Soá foi confrontado por Pedro Crispim, que referiu que para quem queria fazer a sua vida descansado depois de sair da casa, o concorrente apostava muito nas redes sociais e continuava a alimentar polémicas. O ex-participante do BB ficou um bocado baralhado, fez monólogos que chegavam para dar a volta ao estúdio da TVI, mas acabou por dizer que sim, que estava a aproveitar o momento. "Mas gosta?", questionou o comentador, ao que Pedro Soá respondeu achar "divertido" tudo o que está a acontecer.

Fechem a internet: Pipoca, és a rainha disto tudo

Desde o início deste "Big Brother 2020" que a presença de Ana Garcia Martins enquanto comentadora é das mais faladas nas redes sociais. Deixando de lado as imparcialidades, a influenciadora e humorista mantém o seu registo sarcástico e irónico no sofá do "Extra" e não se poupa nos comentários, o que trouxe sangue novo a este formato — sim, sou fã, lidem com isso. Desde a estreia do programa que Pedro Soá era um dos ódios de estimação de Ana Garcia Martins, e toda a postura e consequente expulsão do concorrente foi abordada pela comentadora. E sim, meus amigos, vamos ser honestos: ligámos a televisão para ver o circo pegar fogo entre estes dois.

Pedro Soá entrou com aparente simpatia, a fazer aquele comentário básico e sem sentido, dirigindo-se pela primeira vez a Ana Garcia Martins com um "é muito mais bonita ao vivo". Really? Porque é realmente disso que estamos aqui a falar. Bom, continuando. Mesmo com o "elogio", a comentadora nunca abandonou a sua cara séria que representou uma grande fatia dos fãs do programa, que não acreditaram nem por um segundo nas justificações vazias de Pedro Soá para explicar a sua postura dentro da casa do "Big Brother".

O concorrente afirmou que era um personagem dentro da casa e que esse não era o verdadeiro Pedro. A comentadora contrapôs, e disse diretamente que acredita que a personagem é o Pedro que está cá fora, sendo da opinião que a verdadeira essência do participante é aquela que vimos dentro da casa. "Se calhar o Pedro chegou cá fora e percebeu que não era tão adorado como pensava, tão gostado como pensava", disse Ana Garcia Martins para justificar a mudança no comportamento, considerando Pedro Soá uma das personagens "que mais sentimentos negativos causou na história dos reality-shows".

E foi aí que Pedro Soá começou o chorrilho de lugares comuns. Ora que quem está lá dentro é que sabe, que a pressão é muita, que se perdeu, tudo e um par de botas. Apesar de admitir que se tinha aliado às pessoas menos fortes no jogo, e que não tinha noção disso, justificou também a perseguição a Diogo como um papel que sentiu que alguém tinha de representar. "Mas está aqui tanta gente inteligente e ainda não perceberam porque é que eu fiz aquilo?", questionou Pedro Soá, respondendo à sua própria pergunta. "Alguém tinha de ser o vilão."

Mas não convenceu. Ana Garcia Martins perguntou como é que continuaram, tanto Pedro como os restantes elementos da grupeta Kamikaze, a nomear Diogo, quando estava claramente visto que este era forte cá fora, depois de ser sempre salvo pelos portugueses. Soá voltou a dizer que não existia essa perceção e a comentadora ironizou: "Ainda pensei em investir num avião, mas preferi gastar o dinheiro na Zara".

"Big Brother 2020". Jéssica diz que é mais grave uma mulher trair um homem do que um homem trair uma mulher
"Big Brother 2020". Jéssica diz que é mais grave uma mulher trair um homem do que um homem trair uma mulher
Ver artigo

A influenciadora manteve a consistência neste debate, voltou a afirmar que o Montijo era pequeno demais para o ego de Pedro Soá, e ainda duvidou da aparente surpresa do concorrente com o circo mediático que encontrou cá fora após a sua saída. "Em 20 anos de reality-shows, não estava à espera do mediatismo?", salientou Ana Garcia Martins. Mas um dos momentos da noite chegou depois de Cinha Jardim afirmar que um concorrente como Pedro Soá faz falta a um programa deste género.

A comentadora, que já participou em formatos semelhantes como o "Big Brother Famosos" e a "Quinta das Celebridades", disse ter gostado dos momentos em que Pedro Soá confrontou Daniel Guerreiro e Diogo, com uma postura agressiva, de quem podia partir para a violência física. Apesar de salientar que não conhecia Pedro Soá de fora do programa, Cinha Jardim estava convencida que este não ia bater em ninguém. O concorrente do Montijo reiterou a informação, disse ainda nunca ter batido em ninguém na vida, e explicou que essas atitudes foram uma forma de mexer com a casa.

Ana Garcia Martins não concorda com Cinha Jardim, e chegou mesmo a dizer que a preocupava e entristecia ver momentos violentos e agressivos num programa de televisão. Mais tarde, claramente picada, a advogada de defesa de Pedro Soá (perdão, Cinha Jardim) afirmou que nunca tinha dito gostar de episódios de violência, como Ana Garcia Martins tinha sugerido, e repetiu que tinha a certeza que Pedro Sóa não ia bater em ninguém.

Antes disso, e justificando as opiniões com as suas prestações em reality-shows, Cinha Jardim afirmou perceber os momentos em que Pedro Soá se exaltou dentro da casa, disse que este tipo de formatos traz ao de cima o pior e o melhor das pessoas, e acredita que o Pedro que vimos no programa foi um "boneco" necessário, e que este não seria o verdadeiro Pedro.

Por falar nisso, Pedro Soá também usou a mesma justificação, salientando que os comentadores não o conhecem e que já tinha convidado Ana Garcia Martins para almoçar ou passar tempo com ele, de forma a perceber quem é na realidade o concorrente do Montijo. "Não tenho muito tempo, e quando tenho, prefiro passá-lo com pessoas de quem gosto", rematou a comentadora.

Nas redes sociais, Ana Garcia Martins e a sua postura no "Extra" de sábado está a ser amplamente elogiada pela sua coerência, ironia e sarcasmo. Ah, e pela cara impagável com que aguentou o programa todo, demonstrativa de todo o cenário absolutamente surreal que Pedro Soá montou para justificar uma postura lamentável no "Big Brother 2020". No Instagram, sucedem-se os comentários a apelidar Ana Garcia Martins de "rainha disto tudo" e "fada sensata", e não se fala de outra coisa no perfil da influenciadora.

ig pedro

Apesar da postura mais calma no programa, Pedro Soá fez um direto no Instagram (que já apagou das redes sociais) após o final do "Extra" onde, entre outras coisas, usou a melhor desculpa da noite: "A Pipoca tinha o Arrumadinho lá atrás a mandar dicas do que dizer". Está bem, está, Pedro, a seguir vais dizer que o cão te comeu os trabalhos de casa. E por falar em Arrumadinho, para quem não sabe, este é o nome pelo qual Ricardo Martins Pereira é também conhecido no mundo dos blogues, sendo também o marido de Ana Garcia Martins.

E esta explicação é importante porquê? Porque Ricardo Martins Pereira é também o publisher da MAGG e, por consequência, meu chefe. E antes que Pedro Soá leia esta crónica e faça já um direto a dizer que foi encomendada, deixem-me esclarecer. Não, caro Pedro, ninguém me mandou escrever isto. Sim, caro Pedro, também sigo reality-shows e desde o início que a tua postura me desagradou, algo que pode ser lido nas outras crónicas sobre o "Big Brother" que escrevi para a MAGG. E sim, caro Pedro, acredito que neste momento estás a fazer um gigantesco controlo de danos e és realmente a pessoa que vimos dentro do programa. Afinal, consegues derrubar qualquer um só com palavras, não é? E se te mudares mesmo para o Dubai, como disseste no "Extra", deixa cá o casaco de couro com os brilhantes. Ainda vazas uma vista a alguém com tanta pedraria.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.