O problema já existia e só se agravou com o teletrabalho, quando o universo pessoal e profissional se uniram no mesmo local e as linhas ficaram cada vez mais ténues. Misturar as duas dinâmicas é algo comum à grande maioria das pessoas e, mais grave do que isso, uma má gestão do dia a dia e das nossas prioridades pode mesmo ser o ponto de partida para quadros de ansiedade, depressão, distúrbios de sono e dificuldades conjugais, entre outros.

E não somos nós que o dizemos, mas sim quem percebe mais do assunto. "Tanto eu como os meus colegas psicólogos percebemos que muitas destas queixas tinham como ponto de partida os hábitos e rotinas diárias", esclarece à MAGG Filipa Jardim da Silva, psicóloga clínica e mentora da Academia Transformar, que ciente das necessidades da população e do que passa na nossa sociedade, resolveu ajudar quem precisa a estruturar o dia a dia e a priorizar o que mais importa.

Saiu às 18h? Coloque o telemóvel em modo voo e desligue — mesmo em teletrabalho
Saiu às 18h? Coloque o telemóvel em modo voo e desligue — mesmo em teletrabalho
Ver artigo

Foi assim que nasceu a masterclass "Descobrir onde começa a sua vida pessoal e termina a profissional no seu dia", um conjunto de duas sessões com mentoria de Filipa Jardim da Silva, gratuitas, e que decorrem online já esta terça-feira e quarta-feira, pelas 21 horas.

Sente que está sempre em modo "bombeiro"? Pode precisar de ajuda para gerir o seu tempo

"Esta iniciativa surgiu da necessidade, muito comum nos dias de hoje, de se viver sempre em modo bombeiro de serviço, onde os afazeres se multiplicam, onde há cada vez menos margem para sermos, para existirmos com qualidade, e onde sentimos sempre que o dia não estica", salienta a especialista, que refere também que, apesar da correria, "o sentimento é que chegamos ao final do dia com a sensação de que não foi suficiente".

filipa jardim da silva
Filipa Jardim da Silva

E é difícil não se identificar com o seguinte cenário: se está a trabalhar, sente-se culpado por não passar mais tempo com os seus filhos ou família, por não ir ao cinema mais vezes com o seu companheiro, por estar sempre a adiar voltar ao ginásio: por outro lado, quando está na esfera pessoal, em família, não consegue parar de fazer listas mentais sobre o que tem pendente no trabalho. E depois vem a culpa e entramos numa lógica de bola de neve.

"O objetivo primordial da masterclass é ajudar as pessoas a encontrar um melhor equilíbrio entre as dimensões pessoais e profissionais, e a construírem uma rotina diária mais ágil e eficaz", explica Filipa Jardim da Silva. E como? Através de três passos.

"No primeiro passo, vamos clarificar as áreas da vida mais prioritárias. É um ponto de partida para reconhecer o que se valoriza mais nesta etapa particular da vida, o que é mais importante, e aquilo para que temos de cativar tempo. De seguida, no passo dois, vamos aprender a desenhar a semana, a definir fronteiras e limites, e também a priorizar. Por último, no terceiro passo, e de acordo com um método específico, vamos mapear a estrutura da semana", refere a especialista.

No final das duas sessões, é esperado que o equilíbrio entre as dimensões profissionais e pessoais seja alcançado — até porque é imperativo que aconteça, como explica Filipa Jardim da Silva.

Masterclass

"Para mim, enquanto psicóloga clínica, é importantíssimo, pois este equilíbrio é gerador de saúde psicológica. As rotinas estão na base de muita coisa, e percebemos que um quotidiano demasiado acelerado não dá espaço para a pessoa existir. Temos de perceber, de uma vez por todas, que a forma como organizamos os nossos dias é decisiva para a nossa saude física e mental. E não precisamos de dias com mais de 24 horas, precisamos é dar prioridade ao que é mais importante para nós. Faz toda a diferença chegarmos ao final de um dia cheio com a noção de que fomos produtivos e controlámos a cadência, do que sentir que andámos a reboque das necessidades e urgências dos outros, muitas vezes desalinhadas dos nossos princípios, valores e daquilo que é mais importante para nós."

A masterclass "Descobrir onde começa a sua vida pessoal e termina a profissional no seu dia" é de acesso gratuito, mas deve inscrever-se aqui para receber os dados de acesso. As sessões decorrem esta terça-feira e quarta-feira, 22 e 23 de fevereiro, pelas 21 horas. Se não conseguir assistir em direto, e desde que tenha feito a inscrição previamente, a masterclass vai ficar disponível para consulta durante uma semana e meia.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.