Parece uma regra da triplicação, mas as contas deixam de bater certo quando se contabilizam 40 mil visualizações no vídeo da receita dos "manhãzitos" de Rita Wessling, mais conhecida como Frau Glória no Instagram. A receita base já era conhecida — trata-se de mais um dos pães que ficaram famosos na quarentena de 2020 — e tinha apenas dois ingredientes. Para os novos pães virais, Rita só teve de adicionar um ingrediente: chocolate.

Não é chocolate em pó, nem uma tablete derretida em banho maria. São sim pepitas de chocolate que fazem o efeito dos fofos Manhãzitos Chocochips da marca Manhãzitos, que entretanto criou outras variações, mas continua a ser conhecida pelos bolos com pepitas de chocolate.

Mantas, lareira e uma sopa. 3 receitas para se aquecer nos dias frios de inverno
Mantas, lareira e uma sopa. 3 receitas para se aquecer nos dias frios de inverno
Ver artigo

Quanto aos da Frau Glória, afastam-se do conceito de bolo e aproximam-se do que se pode definir como um pão mais nutritivo. Não leva açúcares, nem óleos e até pode optar por umas pepitas de chocolate com mais de 70% cacau, que já existem no mercado.

Independentemente da escolha, são ideais para os miúdos levarem para a escola e nem tem de fazer uma fornada ao fim de semana para deixar tudo pronto. Enquanto as crianças se vestem durante a semana, estes "manhãzitos" ficam prontos em 30 minutos — pode ser um bom desafio para ver quem se despacha mais rápido.

Eis a receita viral.

"Manhãzitos" da Frau Glória

Ingredientes: 
— 1 medida iogurte natural
— 2 medidas farinha com fermento
— 1/2 medida pepitas de chocolate

Modo de preparação:
Deite o conteúdo do iogurte para uma taça. Lave a embalagem e utilize-a para medir os restantes ingredientes.

Misture todos os ingredientes muito bem até que seja possível moldar uma massa homogénea. Divida em quatro bolas e leve ao forno, pré aquecido a 180°C durante 25 minutos.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.