Um recém-nascido foi encontrado no lixo, em Sintra, este domingo, 26 de junho, perto da 00h. O bebé, encontrado em Casal da Barôta, em Belas, teria cerca de 7 meses de gestação, e apesar de existirem indícios que foi encontrado ainda com sinais de vida, de acordo com o "Correio da Manhã", acabou por morrer. No entanto, os dados são contraditórios, dado que existem informações de que a criança já estaria morta quando os bombeiros chegaram ao local, tal como salienta o "Jornal de Notícias".

Há um hospital português que prevê fechar urgências de obstetrícia 21 dias no verão
Há um hospital português que prevê fechar urgências de obstetrícia 21 dias no verão
Ver artigo

Depois de a criança ter sido encontrada, um homem — que se presume ser o avô — confessou ter colocado o bebé no lixo.

Quanto à mãe da criança, as autoridades desconfiam tratar-se de um jovem de 22 anos que deu entrada no Hospital Amadora-Sintra pelas 20h de sábado, 25, com hemorragias graves e sinais clínicos de trabalho de parto, sem que estivesse acompanhada de um bebé.

O caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária, depois da PSP ter iniciado imediatamente as buscas na zona da residência da jovem, já depois de o hospital ter dado o alerta.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.