Com a aproximação do chamado "dia da libertação", 1 de outubro, no qual serão aliviadas várias medidas impostas pela pandemia, a MAGG quis saber quais os critérios usados pela TVI, no que toca à vacinação contra a COVID-19, para a seleção dos 20 concorrentes da atual edição da COVID-19.

Questionada sobre se a vacinação foi uma condição sine qua non para os concorrentes serem selecionados, fonte oficial da estação de Queluz de Baixo respondeu que essa "questão não se colocou". "Seguindo a tendência da adesão em massa dos portugueses, todos os concorrentes apurados para a última fase estavam vacinados ou tiveram covid e aguardam vacinação".

Big Brother interrompe Ricardo para dar opinião sobre adoção. "O amor não é biológico"
Big Brother interrompe Ricardo para dar opinião sobre adoção. "O amor não é biológico"
Ver artigo

A estação de Queluz de Baixo esclarece ainda, sem revelar as identidades, que dois dos habitantes da mansão da Malveira foram recentemente infetados pelo novo coronavírus e serão vacinados nos próximos meses. "Todos os concorrentes estão vacinados com as duas doses, com exceção de dois, que serão vacinados em outubro e novembro (tiveram covid em julho e agosto)", adianta ainda a TVI.

De acordo com informações oficiais da Direção Geral da Saúde, 84,6% da população portuguesa tem a vacinação completa contra a COVID-19, o equivalente a 8.602.244 de pessoas.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.