Sandra Paula Aguiar de Souza completa 49 anos em março, mas foi aos 30 que conheceu Mário Jardel. A história de amor dos dois começou em 2003, altura em que tiveram um "namorico", segundo explicou à MAGG. Esta experiência acabou rápido, porque Jardel apenas estava de férias em Fortaleza.

“Eu já conhecia a família dele, já há algum tempo”, disse-nos Sandra. Passados cinco anos, deu-se o reencontro e, em 2009, começaram a namorar oficialmente. "Foi uma coisa bem rápida. Namorámos um mês, quase dois, e já fomos morar juntos", recorda a companheira de Jardel.

Irmã de Jardel. "Ele está um bocado perdido ainda. Acho que tem medo de confiar nas pessoas"
Irmã de Jardel. "Ele está um bocado perdido ainda. Acho que tem medo de confiar nas pessoas"
Ver artigo

O casal, junto há quase 13 anos, não estava na mesma página quanto à entrada do ex-craque no "Big Brother Famosos". "Eu não concordei", conta Sandra, que também avançou que é a segunda vez que Jardel é convidado para integrar este formato. "A primeira ele não aceitou e a segunda ele resolveu aceitar", explicou.

“Não concordei porque acho que a pessoa se expõe muito e porque é muito tempo lá dentro”

Sandra não queria que Jardel aceitasse o convite para entrar na casa mais vigiada do País. “Eu não gosto de ficar longe dele, mas respeitei a vontade dele e o apoiei”, garantiu. “Não concordei porque acho que a pessoa se expõe muito e porque é muito tempo lá dentro”, justificou, ainda.

O facto de Jardel ter decidido, desta vez, participar no programa, pode dever-se, segundo Sandra, ao desejo que já tinham para morar em Portugal, algo que acontecerá "assim que ele sair". A entrada terá dado "um empurrãozinho" para que o plano se concretize.

Embora já esteja traçado que vão deixar o Brasil rumo a Portugal, não era essa a vontade da companheira de Jardel. "Já há algum tempo Jardel vem querendo morar em Portugal. Eu estou dando uma segurada, por conta da família", explicou Sandra, que acha que, depois do "Big Brother", a mudança vai mesmo acontecer.

"Ficou combinado, quando ele sair, a gente casar"

"Sou daqui [Brasil], gosto daqui, sou muito apegada à minha família. Gosto muito das minhas origens, dos nossos costumes, nosso clima, nossas praias. Então, não vou mentir: prefiro ficar aqui", adiantou, embora já se tenha habituado à ideia, como disse em entrevista. "Se ele quer morar em Portugal e se estiver nos planos de Deus, a gente vai", assegurou.

A vontade que Mário Jardel tem de passar a viver em terras lusas deve-se, em muito, ao "carinho das pessoas". "Ele gosta muito de Portugal", garantiu Sandra. "Ficou combinado, quando ele sair, a gente casar e morar. Passar uma temporada aqui, dois/três meses, e depois volta, porque a gente tem negócios no Brasil também", elaborou. "Só aguardando a saída dele para ver como vai ser", afirmou, ainda.

Sandra está, de momento, em Fortaleza, no Brasil. Quanto a possíveis vindas às galas, revelou que combinou com o companheiro estar presente em estúdio quando ele estiver para sair. "Se ele for para a final, estarei lá aguardando a saída dele. Se sair antecipadamente num paredão [nomeações] que a gente vê que ele vai ser expulso da casa, estarei lá da mesma forma", adiantou. Jardel é um dos cinco nomeados desta semana, mas Sandra não crê que vá ser expulso.

Quando o casal se conheceu, Jardel já consumia droga

Dentro da casa, o ex-craque já tinha referido tencionar casar em março deste ano, em Lisboa, tendo aproveitado para convidar todos os colegas a estarem presentes na cerimónia. Mas a união já era para ter acontecido antes do programa. O casal esteve dois meses em Portugal e aproveitou para "dar entrada dos papéis", mas "não deu tempo" e "não ficou pronto", devido às partes burocráticas inerentes.

"Então ficou para nossa próxima ida a Portugal, e aí surgiu o BB", adiantou Sandra. Apesar de estar tudo previsto para que o par dê o nó em março, ainda não está definida uma data. O objetivo será fazerem a cerimónia civil em Portugal e o casamento religioso em Fortaleza. "Tem que ser aqui, porque nossa família é toda daqui. Não dá para ir todo o mundo para lá [para Portugal] para a festa de casamento", explicou a noiva.

Quando o par se conheceu, Jardel já consumia droga. Apesar de apenas ter assumido vício publicamente em 2008, foi no final dos anos 90 que o desenvolveu. Antes de se juntar com Sandra, o ex-futebolista foi casado com Karen Ribeiro, entre 1995 e 2002, relação a partir da qual nasceram os seus dois filhos, Mário Jardel Jr., 25, e Victória, 21.

Veja as fotografias do casal

"Não foi fácil. Jardel está limpo há quase dois anos"

Mário Jardel já se tinha pronunciado quanto a Sandra ser um dos seus pilares durante a batalha contra a toxicodependência. "Quando eu conheci o Jardel, já sabia desse problema. Entrei sabendo", revelou. "Foi assim um amor à primeira vista, então decidi lutar por ele", continuou, explicando ter sido necessárias "muita fé, muita paciência, muito amor".

"Não foi fácil. Jardel está limpo há quase dois anos, então decidi ir até ao fim", garantiu-nos. "Acho que, com amor, a gente consegue vencer todos os obstáculos", crê. A fé e o apoio da família, de acordo com Sandra, têm ajudado a luta dos dois contra as adversidades que surgem.

Sandra tem acompanhado a prestação do noivo, "mas não como deveria", por falhas na rede. "Pelo aplicativo eu vejo algumas coisas, alguns vídeos. Os amigos me deixam a par de tudo, então dá para saber o que está rolando lá dentro", garantiu. Mesmo não sendo uma espectadora assídua, deu-nos a sua opinião quanto ao que se passa dentro da casa.

"Ele tenta agradar a todos, e isso talvez o prejudique um pouco lá dentro da casa"

A companheira de longa data de Jardel acredita que o empresário "está indo bem" e "está tranquilo". No entanto, admite que poderá estar "um pouco perdido, confuso e apreensivo", e acha que "Jardel tem que se posicionar". "Ele tenta agradar a todos, e isso talvez o prejudique um pouco lá dentro da casa", calcula. "Jardel é como criança, ingénuo", explicou Sandra, que acha que o ex-craque "já se soltou mais", em comparação ao início, depois de conseguir alguma "auto-confiança".

Desde que entrou na casa, o ex-jogador já perdeu bastante peso graças ao exercício físico diário que pratica. "Já tinha percebido que a barriga baixou um pouquinho", disse-nos Sandra, que também revelou que o noivo tinha em mente "treinar todos os dias, duas vezes ao dia". "Só não perdeu o hábito de dar um cochilo e acordar a altas horas para comer", brincou. "Ele sempre faz isso. Meia noite, uma hora, já tem dormido um pouquinho, aí desce para tomar alguma coisa", recorda.

Quanto a piores momentos do empresário, "só teve, infelizmente, aquele episódio em que ele falou que a Liliana era falsa", considera Sandra. "Acho que isso aí o abalou um pouco na questão de as câmaras terem apanhado, e mais ainda ele ficou abalado na questão de ela não perdoá-lo", acredita. "O Jardel não gosta de intrigas, não gosta de bate-boca. Eu vejo que ele está fazendo de tudo para que ela o perdoe, mas ela está bem dura", crê Sandra.

"Há um clima assim meio ruim dentro da casa entre os dois"

Durante a última gala (16), foram mostradas imagens aos concorrentes de Jardel a chamar "falsa" a Liliana. A cantora procurou esclarecimentos, mas o ex-futebolista não se pronunciou. Para Sandra, esta atitude poderá dever-se a Nuno Homem de Sá. "Isso aí teve influência acho que do Nuno, que eu acho que é uma das pessoas que ele tem mais afinidade dentro da casa", disse-nos.

A companheira de Jardel crê que Nuno Homem de Sá pode ter dito algo a Jardel sobre Liliana que levou a esta opinião. "Talvez ele não quis entregar que o Nuno falou isso. E aí sobrou tudo para ele", pensa Sandra. "As pessoas pensam que ele é falso, mas não é. Ele não quer inimizade lá dentro", garante a brasileira de 49 anos.

"Eu sinto e vejo que ele está incomodado com isto, então espero que ela o perdoe", deseja Sandra, quanto a Liliana. Neste momento, acredita que "há um clima assim meio ruim dentro da casa entre os dois", mas "não por conta do Jardel, que já tentou várias vezes puxar conversa, fazer as pazes", e sim devido a Liliana.

O desejo de Sandra é que o namorado "chegue à final". "A saudade já está grande, mas dá para segurar, porque isso é importante para ele", explicou, em entrevista à MAGG. "Creio que seja mais uma vitória, mais uma conquista. Vai fazer muito bem para o Jardel", considera a companheira, principalmente em termos de "autoestima".

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.